Por favor, use este identificador para citar o enlazar este ítem: http://hdl.handle.net/10923/1079
Tipo: doctoralThesis
Título: Análise do efeito sistêmico da LLLT em região perimplantar : estudo em coelhos
Autor(es): Mayer, Luciano
Orientador: Weber, João Batista Blessmann
Editor: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Odontologia
Fecha de Publicación: 2013
Palabras clave: ODONTOLOGIA
TRAUMATOLOGIA BUCOMAXILOFACIAL
TIREOIDE
HORMÔNIOS
IMPLANTODONTIA
IMPLANTES DENTÁRIOS OSSEOINTEGRADOS
LASER - ODONTOLOGIA
Resumen: Este estudo é parte de um projeto que teve por objetivo avaliar o efeito da terapia com laser de baixa intensidade pós-implante dentário osseointegrável no funcionamento da glândula tireoide e, consequentemente, na regulação do cálcio, através da mensuração dos níveis hormonais de Triiodotironina (T3), Tiroxina (T4) e dos níveis de Cálcio e Albumina no soro sanguíneo de coelhos. Foi avaliado o efeito de 3 doses terapêuticas distintas de LLLT utilizadas para aceleração do processo de osseointegração de implantes dentários. Para tanto, foram utilizados 40 coelhos da ordem Lagomorpha, raça Nova Zelândia, machos, pesando entre 3 e 4 kg, clinicamente sadios, distribuídos aleatoriamente em cinco grupos, com oito animais cada, sendo dois grupos designados como controle: o grupo controle CI (animais não irradiados e não operados) e o grupo controle CII (animais não irradiados); e três grupos designados como experimentais: EI, EII e EIII – animais irradiados com três doses distintas de laser – grupo experimental EI (dose total - 70J/cm²), grupo experimental EII (dose total - 35J/cm²) e grupo experimental EIII (dose total - 140J/cm²). Para padronizar os experimentos, todos os animais dos grupos CII, EI, EII e EIII foram submetidos ao procedimento cirúrgico de exodontia do incisivo inferior esquerdo e colocação imediata de um implante osseointegrável com superfície nanotexturizada (Nanotite® - Biomet 3iTM) no respectivo alvéolo, criando uma condição clínica inicial de igualdade entre os quatro grupos operados. Os animais do grupo controle CI participaram da mesma rotina dos demais; no entanto, não foram submetidos a nenhum dos procedimentos clínicos/cirúrgicos, servindo como controle absoluto nos testes imunológicos para contagem de T3, T4, Cálcio e Albumina. Os animais dos grupos experimentais foram irradiados com o laser de diodo infravermelho com meio ativo GaAlAs (Arseneto de Gálio e Alumínio), com comprimento de onda de 830nm, de forma pontual, com potência de 50mW, no modo de emissão contínua, a cada 48 horas, num total de sete sessões de aplicação, durante o período de 13 dias. O protocolo de irradiação foi iniciado imediatamente após o procedimento cirúrgico. As coletas de sangue para dosagens laboratoriais de T3, T4, Cálcio e Albumina foram realizadas por meio de punção venosa da veia jugular nos cinco grupos em quatro momentos distintos: 72 horas antes do procedimento cirúrgico, imediatamente após a primeira aplicação de laser, 72 horas após a primeira aplicação de laser e 72 horas após a última aplicação de laser. Os resultados obtidos demonstraram diferenças estatisticamente significativas para os valores de T3 e Cálcio entre os grupos estudados e para os valores de T3, T4, Cálcio e Albumina nos diferentes tempos de coleta ao longo do experimento. Conclui-se que a LLLT, no protocolo de irradiação utilizado neste estudo, apesar de ter alterado significativamente os níveis hormonais de T3 e T4 e os níveis de Cálcio e Albumina circulantes no soro de coelhos, não comprometeu definitivamente o funcionamento da glândula tireoide dos mesmos, pois na etapa final do controle hormonal percebe-se o restabelecimento da função glandular.
This study is part of a larger project that sought to assess the effect of lowlevel laser therapy (LLLT) after placement of an osseointegrated dental implant on thyroid gland function – and, consequently, calcium regulation – and its potential interference with the osseointegration process. Toward this end, circulating serum levels of triiodothyronine (T3), thyroxine (T4), calcium, and albumin were measured in rabbits. The effects of three therapeutic doses of LLLT, used to accelerate the dental implant osseointegration process, were assessed. Forty healthy male New Zealand rabbits (order Lagomorpha), weight 3–4 kg, were allocated randomly across five groups of eight each: two control groups, CI (no LLLT, no surgery) and CII (no LLLT), and three experimental groups, EI, EII, EIII, exposed to three different doses of laser radiation (EI, total dose 70 J/cm²; EII, total dose 35 J/cm²; and EIII, total dose 140 J/cm²). For standardization purposes, all animals in groups CII, EI, EII, and EIII underwent surgical extraction of the mandibular left incisor and immediate placement of a nanoparticle-coated osseointegrated implant (NanoTite® – Biomet 3iTM) into the prepared socket, creating a condition of equality between groups at baseline. Animals in group CI were exposed to the same handling conditions, but did not undergo any clinical or surgical procedures, thus serving as an absolute control for T3, T4, calcium, and albumin measurements. Animals in the experimental groups received spot irradiation with a GaAlAs (gallium aluminium arsenide) infrared diode laser, wavelength 830 nm, power 50 mW, in continuous emission mode, over two points, every 48 hours over 13 days, for a total of seven sessions; the irradiation protocol was started immediately after the surgical procedure. Blood was collected for measurement of T3, T4, calcium, and albumin levels, by puncture of the external jugular vein, at four points in time: 72 hours before surgery, immediately after the first LLLT session, 72 hours after the first LLLT session and 72 hours after the last LLLT session. The results showed significant differences in T3 and calcium levels between study groups, as well as significant within-group differences in T3, T4, calcium, and albumin levels over time. We conclude that, despite a significant effect on circulating serum levels of T3, T4, calcium and albumin, the LLLT protocol used in this study did not lead to impairment of thyroid function in a rabbit model, because in the final stage of the hormonal control it is noticed the reestablishment of glandular function.
URI: http://hdl.handle.net/10923/1079
Aparece en las colecciones:Dissertação e Tese

Ficheros en este ítem:
Fichero Descripción TamañoFormato 
447176.pdfTexto Completo2,69 MBAdobe PDFAbrir
Ver


Todos los ítems en el Repositorio de la PUCRS están protegidos por derechos de autor, con todos los derechos reservados, y están bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial 4.0 Internacional. Sepa más.