Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/10940
Tipo: doctoralThesis
Título: Entre a televisão e as artes visuais: a "estética da aproximação" em produções seriadas de Luiz Fernando Carvalho (2005 a 2010)
Autor(es): Castro, Isabel Alencar de
Orientador: Gutfreind, Cristiane Freitas
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Comunicação Social
Data de Publicação: 2017
Palavras-chave: TELEVISÃO
ARTES VISUAIS
COMUNICAÇÃO
Resumo: A presente tese se situa entre a televisão e as artes visuais e tem como objeto de estudo a obra seriada do diretor carioca Luiz Fernando Carvalho, em cenas escolhidas da minissérie “Hoje é dia de Maria” (2005) e das microsséries “Capitu” (2008) e “Afinal, o que querem as mulheres?” (2010). A tese teve como objetivos investigar as relações entre as imagens em movimento e as artes visuais que se manifestam na estética das minisséries produzidas pelo diretor; contextualizar a obra de Carvalho na produção nacional de minisséries, bem como sua trajetória como diretor; estabelecer relações de simetria visual entre as imagens televisuais e as pinturas escolhidas; caracterizar e diferenciar a estética utilizada por Carvalho nas obras selecionadas; e compreender de que maneira as minisséries escolhidas renovaram o campo da estética televisual. Os principais autores trabalhados foram Figueiredo (2003); Mattos (2010); Ribeiro e Sacramento (2010); Esquenazi (2011), Pallottini (2012); Bazin (2014); Badiou (2014); Lebrun (1988). A reflexão partiu do conceito de “impureza”, segundo Badiou (2002), somado aos conceitos de “presença/ausência” e “Stimmung”, de Gumbrecht (2014), para, assim, configurar a proposta da “Estética da Aproximação”. A proposta foi constituída pelo entrelaçamento de cenas audiovisuais e pinturas associadas a elas, em que foi possível inferir uma ação construtiva comum, chamada de “simetria de procedimento artístico”.
The current thesis lays between television and visual arts and it has as its study object the series production of the director Luiz Fernando Carvalho, through chosen scenes of the miniseries “Hoje é dia de Maria” (2005) and of the microseries “Capitu” (2008) and “Afinal, o que querem as mulheres?” (2010). The objectives of the thesis are to investigate the relations between moving pictures and the visual arts which emerge in the aesthetic of the series produced by the director, contextualize Carvalhos’s work in the national production of short series, as well as his path as a director; stablish symmetric visual relations between television images and the chosen paintings; characterize and differentiate Carvalho’s aesthetics in the selected series; and comprehend how the selected miniseries renewed the televisual aesthetics field. The main authours studied were Figueiredo (2003); Mattos (2010); Ribeiro and Sacramento (2010); Esquenazi (2011), Pallottini (2012); Bazin (2014); Badiou (2014); Lebrun (1988). The inquiry began from the concept of “impurity”, from Badiou (2002), which was added to the concepts of “presence/absence” and “Stimmung”, from Gumbrecht (2014), thus to outline the proposal of the “Proximity Aesthetics”. The proposal was constructed from the intertwining of the audiovisual scenes and the related paintings associated to them, in which it was possible to infer a common constructive action, named “symmetry of the artistic procedure”.
URI: http://hdl.handle.net/10923/10940
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000486923-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo5,04 MBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.