Por favor, use este identificador para citar o enlazar este ítem: http://hdl.handle.net/10923/1141
Tipo: masterThesis
Título: Contribuições dos conceitos da teoria da complexidade e de auto-organização para o entendimento do processo estratégico das organizações segundo a escola de configuração
Autor(es): Oliveira Junior, Ézio
Orientador: Gusmão, Sérgio Luiz Lessa de
Editor: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Administração e Negócios
Fecha de Publicación: 2006
Palabras clave: ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS - TEORIAS
COMPLEXIDADE
Resumen: Este trabalho refere-se ao exame da aplicabilidade dos conceitos derivados da Teoria da Complexidade e de Auto-Organização para o entendimento do processo estratégico nas organizações. A Escola de Configuração constitui uma das mais modernas linhas do pensamento em administração estratégica e a divide em duas partes fundamentais: uma relacionada à configuração das organizações e outra relacionada às suas transformações. A Teoria da Complexidade e o conceito de Auto-Organização surgem nos últimos anos como uma alternativa importante de compreensão da realidade. Assim a partir de uma releitura dos postulados da Escola de Configuração à luz da Teoria da Complexidade e do conceito de Auto- Organização é proposto um modelo de análise do processo estratégico que surge baseado em conceitos como autonomia e conectividade entre as partes que formam as organizações. A aplicação empírica do modelo através do estudo de caso em duas organizações, ressalvadas as suas limitações, ratificou os seus fundamentos, donde decorre a sugestão para que se proceda ao aprofundamento e à expansão das pesquisas nesta linha. Abre-se um novo campo de possibilidades para pesquisadores e gerentes encarregados de garantir a sobrevivência e o sucesso das organizações.
This work deals with the examination of the applicability of the concepts derived from the Theory of the Complexity and Self-Organization for the understanding of the strategic process in the organizations. The School of Configuration constitutes one of the most modern lines of the thought in strategic administration and divides it in two parts: one related to the configuration and another related to the transformations of the organizations. The Theory of the Complexity and the concept of Self-Organization came out as an important alternative of reality understanding. Thus from a new reading of the postulates of the School of Configuration under the light of the Theory of the Complexity and the concept of Self-Organization it is proposed a model of strategic process analysis. This model is based in concepts as autonomy and connection way between the parts that form the organizations. The empirical application of the model through the case studies in two organizations, excepted its limitations, ratified its substantiations, from where come the suggestion for proceeds to the deepening and the expansion of the research in this line. A new field of possibilities is opened for researchers and managers in charge of guaranteeing the survival and the success of the organizations.
URI: http://hdl.handle.net/10923/1141
Aparece en las colecciones:Dissertação e Tese

Ficheros en este ítem:
Fichero Descripción TamañoFormato 
000383912-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo670,51 kBAdobe PDFAbrir
Ver


Todos los ítems en el Repositorio de la PUCRS están protegidos por derechos de autor, con todos los derechos reservados, y están bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial 4.0 Internacional. Sepa más.