Por favor, use este identificador para citar o enlazar este ítem: http://hdl.handle.net/10923/15204
Tipo: doctoralThesis
Título: De prosa com as imagens: constelação de comunicação circular entre imagens de uma exposição, narrativas biográficas do público visitante e seus contextos socioculturais
Autor(es): Simon, Roberta
Orientador: Gerbase, Carlos
Editor: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Comunicação Social
Fecha de Publicación: 2019
Palabras clave: ETNOGRAFIA
IMAGEM (ARTE)
COMUNICAÇÃO SOCIAL
Resumen: Esta pesquisa reflete sobre as experiências de comunicação com as imagens. Parte-se de uma etnografia visual na exposição coletiva intitulada “Etnografias Compartilhadas: narrativas visuais e sonoras do viver urbano em Porto Alegre” (organizada por estudantes de Ciências Sociais e pesquisadores do Núcleo de Antropologia Visual da UFRGS). Como proseamos com as imagens? De que forma as narrativas e imagens da exposição são entrelaçadas pelas narrativas biográficas do público visitante e seus contextos socioculturais? Ainda, como tais entrelaçamentos compõem constelações imagéticas de ritmos espaçotemporais das formas sensíveis do viver urbano na contemporaneidade? Foram criadas três crônicas videoetnográficas, correspondendo aos três interlocutores protagonistas: Claudio, Elenir e Tumax. Após os entrelaçamentos pelas dimensões da comunicação, da imagem e da narrativa, configurou-se uma constelação de imagens da busca por equilíbrio (em dialética à vida moderna) e circulou um tríptico imagético (da intimidade, impermanência e reflexividade) entre fragmentos narrativos da exposição, de biografias e seus contextos socioculturais por diferentes formas de comunicação (linear, circular e ziguezague) e deviresimagéticos.
This research reflects on the experiences of communicating with images. It is part of a visual ethnography at the collective exhibition titled "Shared Ethnographies: Visual and Sound Narratives of Urban Living in Porto Alegre" (organized by students of Social Sciences and researchers of the Visual Anthropology Center (UFRGS). How do we talk with images? In what ways are the narratives and images of the exhibition connected by the biographical narratives of the visiting public and their socio-cultural contexts? Yet, how such connexion composes a imaginary constellation of the sensible forms of contemporain urban living? Three videoetnographic chronicles were created, corresponding to the three interlocutors protagonists: Claudio, Elenir and Tumax. After the interlacings by the dimensions of communication, image and narrative, a constellation of images of the pursuit of equilibrium (in dialectics to modern life) was configured and an imagery triptych (of intimacy, impermanence and reflexivity) was circulated between narrative fragments of the exhibition, biographies and their sociocultural contexts through different types of communication (linear, circular and zigzag) and imagery-becoming.
URI: http://hdl.handle.net/10923/15204
Aparece en las colecciones:Dissertação e Tese

Ficheros en este ítem:
Fichero Descripción TamañoFormato 
000495255-Texto+completo-0.pdfTexto completo4,2 MBAdobe PDFAbrir
Ver


Todos los ítems en el Repositorio de la PUCRS están protegidos por derechos de autor, con todos los derechos reservados, y están bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial 4.0 Internacional. Sepa más.