Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10923/15316
Type: masterThesis
Title: A participação da criança com deficiência no contexto da educação infantil
Author(s): Santos, Priscila Brasil dos
Advisor: Rozek, Marlene
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Graduate Program: Programa de Pós-Graduação em Educação
Issue Date: 2019
Keywords: DEFICIÊNCIA INTELECTUAL
EDUCAÇÃO INCLUSIVA
EDUCAÇÃO INFANTIL
EDUCAÇÃO
Abstract: Esta pesquisa tem como tema “A Participação da Criança com Deficiência no Contexto da Educação Infantil”. Trata-se de um estudo que analisa a participação da criança com deficiência no contexto da Educação Infantil, bem como identifica os momentos em que ocorre a participação e os fatores intervenientes. Para a composição do referencial teórico buscou-se definir em termos históricos, legais e conceituais a Educação Infantil e a Educação Inclusiva. Na sequência, apresentou-se o conceito de participação na perspectiva de Christine Imms et al. (2016). Este trabalho foi desenvolvido por meio de uma metodologia qualitativa de cunho exploratório, com característica de Estudo de Caso de uma criança com deficiência, com base nos dados coletados em uma Escola Municipal de Educação Infantil de Porto Alegre. Por meio da Análise de Conteúdo de Bardin (2016) foi possível analisar os dados provenientes da observação participante, diário de campo, questionários e entrevista semiestruturada. A partir disso, foram criadas duas categorias: contextos de participação da criança com deficiência; e, percepção das educadoras. Foi possível perceber e analisar a participação de uma criança com deficiência em três diferentes situações: por meio do brincar livre/sozinho; das interações com os outros; e, por meio dos momentos dirigidos pelos educadores.Esses três momentos possibilitaram a identificação de 10 fatores que influenciaram na participação da referida criança, sendo eles: autorregulação; competências; espaços educadores; interação; intervenção do educador; liberdade de escolha; preferências; senso de si mesmo; tempo; e, vínculo afetivo. Mais do que permitir que a criança com deficiência esteja presente nos diversos momentos, é essencial envolvê-la, oportunizando, assim, a sua participação integral. Para isso, os educadores precisam compreender de forma mais aprofundada o conceito de participação e a sua importância para o desenvolvimento e a aprendizagem das crianças. A participação da criança contribui de forma significativa para a efetiva inclusão escolar; todavia, a inclusão só se sustenta se os educadores, bem como a escola tiverem uma rede de apoio qualificada e isso abrange as famílias e a comunidade. Além disso, é fundamental compreender a individualidade de cada sujeito na sua totalidade, suas necessidades, dificuldades e potencialidades, a fim de oportunizar momentos de aprendizagem e desenvolvimento a todas as crianças, visando uma formação integral, bem como a construção de uma sociedade justa, democrática e inclusiva.
This research has as its theme the "Participation of Children with Disabilities in the Context of Early Childhood Education". It is a study that analyzes the participation of children with disabilities in the context of Early Childhood Education, as well as identifying the moments in which this participation occurs and the factors that influence it. For the composition of the theoretical reference it was sought to define, in historical, legal and conceptual terms, Early Childhood Education and Inclusive Education. Following, the concept of participation in the perspective of Christine Imms et al. (2016). This work was developed through a qualitative exploratory methodology, with a Case Study of a child with a disability, based on the data collected at a Municipal School of Early Childhood Education, in Porto Alegre. Through the Content Analysis of Bardin (2016) it was possible to analyze participant observation, field diary, questionnaires and semi-structured interview.From this, two categories were created: contexts of participation of children with disabilities; and, the educators' perception. It was possible to perceive and analyze the participation of a child with disability in three different situations: by playing free/alone; of interactions with others; and, through the moments directed by educators. These three moments allowed the identification of 10 factors that influenced the child's participation: self-regulation; competence; educational spaces; interaction; intervention of the educator; freedom of choice; preferences; sense of self; time; and, affective bond. Rather than allowing the child with disabilities to be present at various times, it is essential to involve her, thus giving her full participation. For this, educators need to understand in greater depth the concept of participation and its importance for the development and learning of children. The participation of children contributes significantly to effective school inclusion; however, inclusion is only be sustained if educators as well as the school have a qualified support network and this covers families and the community. In addition, it is fundamental to understand the individuality of each subject in its totality, its needs, difficulties and potentialities, in order to provide opportunities for learning and development for all students, aiming at an integral formation, as well as the construction of a just, democratic and inclusive society.
URI: http://hdl.handle.net/10923/15316
Appears in Collections:Dissertação e Tese

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
000494898-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo2,56 MBAdobe PDFOpen
View


All Items in PUCRS Repository are protected by copyright, with all rights reserved, and are licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License. Read more.