Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/1631
Tipo: masterThesis
Título: MuNDDoS: um modelo de referência para desenvolvimento distribuído de software
Autor(es): Prikladnicki, Rafael
Orientador: Audy, Jorge Luis Nicolas
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Ciência da Computação
Data de Publicação: 2003
Palavras-chave: INFORMÁTICA
ENGENHARIA DE SOFTWARE
SISTEMAS DISTRIBUÍDOS
Resumo: Atualmente, é cada vez mais significativo o número de empresas que estão distribuindo seus processos de desenvolvimento de software ao redor do mundo, visando ganhos de produtividade, redução de custos e melhorias na qualidade. Por isso, o desenvolvimento distribuído tem atraído um grande número de pesquisas na área de engenharia de software nos últimos anos. Os engenheiros de software têm reconhecido a grande influência desta nova forma de trabalho e estão em busca de modelos que facilitem o desenvolvimento de software com equipes geograficamente dispersas. Além dos engenheiros, os gerentes e os executivos têm enfrentado desafios e dificuldades em diferentes níveis, envolvendo fatores técnicos e não-técnicos. Neste sentido, essa dissertação de mestrado tem como objetivo propor um modelo de referência para desenvolvimento distribuído de software, contemplando as dimensões técnicas e não-técnica e os fatores envolvidos em cada uma. O principal método de pesquisa utilizado foi o estudo de caso e a base empírica da pesquisa envolveu duas unidades de desenvolvimento de software de duas empresas multinacionais de grande porte localizadas no Brasil. A pesquisa contribui no sentido de propor um modelo de referência para a área de desenvolvimento distribuído de software, além de apresentar dados empíricos e sistematizar parte da teoria recente da área. Também contribui ao propor um modelo de classificação do nível de dispersão de projetos distribuídos, considerando os atores envolvidos.
Software has become a vital component of almost every business. Success increasingly depends on using software as a competitive advantage. More than a decade ago, seeking lower costs and access to skilled resources, many organizations began to experiment with remotely located software development facilities and with outsourcing. Economic forces are relentlessly turning national markets into global markets and spawning new forms of competition and cooperation that reach across national boundaries. This change is having a profound impact not only on marketing and distribution but also on the way products are conceived, designed, constructed, tested, and delivered to customers. The number of organizations distributing their software development processes worldwide aiming at heightened profit and productivity as well as cost reduction and quality improvements keeps increasing. Software development is increasingly a multi-site, multicultural, globally distributed undertaking. Engineers, managers, and executives face formidable challenges on many levels, from the technical to the social and cultural. More recently, attention has turned toward trying to understand the factors that enable multinationals and virtual corporations to operate successfully across geographic and cultural boundaries. This way, the purpose of this dissertation is to propose a reference model for distributed software development. The research method is case study and the empirical base involves two software development centers from two multinational organizations located in Brazil. The research contributions are the reference model and a model to c1assify the levels of dispersion in distributed projects. Moreover, empirical data is presented, systemizing part of the theory in this recent area.
URI: http://hdl.handle.net/10923/1631
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000423676-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo1,5 MBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.