Por favor, use este identificador para citar o enlazar este ítem: http://hdl.handle.net/10923/2127
Tipo: doctoralThesis
Título: Indiana Jones: análise semiótica da produção serial dos meios de comunicação de massa
Autor(es): Benetti, Mariceia
Orientador: Antonini, Eliana Pibernat
Editor: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Comunicação Social
Fecha de Publicación: 2006
Palabras clave: COMUNICAÇÃO SOCIAL
COMUNICAÇÃO DE MASSA
SEMIÓTICA
ESTÉTICA
FILMES SERIADOS
Resumen: Este trabalho tem como objetivo geral discutir a incorporação de um novo olhar estético nos receptores distraídos, preocupando-se em mapear os elementos repetitivos presentes na narrativa fílmica constituída pela trilogia Indiana Jones. A metodologia utilizada é recuperada de Umberto Eco por Eliana Pibernat Antonini, que propõe cinco categorias analíticas para os produtos culturais contemporâneos. Tais níveis de análise partem de uma manifestação linear mínima, meramente informativa, e se dirige para estruturas mais complexas, como os passeios inferenciais, os mundos possíveis e as fisionomias culturais e ideológicas, entendidas aqui como os patamares metatextuais de produção de sentido. A partir de Omar Calabrese, Walter Benjamin, Wolfgang Iser, entre outros, a teorização da repetição, do fractal, do fragmento, do pormenor e do estético sustentarão o percurso teórico para a construção da análise, onde se pode verificar que uma produção serial desperta diferentes sentidos estéticos, quer para uma leitura de primeiro grau, de consumo; quer para uma leitura crítica, de segundo grau. Tal releitura estética desperta relevância acadêmica por procurar fugir dos antagonismos simplificadores de construção de valor, tais como certo ou errado, belo ou feio, para propor um novo olhar do tempo, percebido enquanto opção dialógica adequada ao receptor contemporâneo oportunizado pela técnica.
This work has as general purpose to discuss the incorporation of a new esthetic look on the distracted receivers, worrying about mapping the repeated elements current in the filmic narrative constituted by the trilogy Indiana Jones. The methodology used is recovered from Umberto Eco by Eliana Pibernat Antonini, who proposes five analytical categories to the contemporary cultural products. These levels of analysis start from a simply informational, minimal linear manifestation and they are directed to more complexes structures, such as the inferential trips, the possible worlds and the cultural and ideological semblances, here understooded as the metatextual platforms of sense production. From Omar Calabrese, Walter Benjamin, Wolfgang Iser, among others, the theorization of repetition, fractal, fragment, detail and esthetic will support the theoretical course to the analysis construction, where it is possible to verify that a serial production shows different esthetical senses, as to a consumption, first degree reading, as to a critic, second degree reading. This esthetical rereading denotes academical relevance because it tries to flee from the simplificators antagonisms of value construction, such as right or wrong, beautiful or ugly, to propose a new look of time, noticed as a dialogical option suitable to the contemporary receptor opportunized by technic.
URI: http://hdl.handle.net/10923/2127
Aparece en las colecciones:Dissertação e Tese

Ficheros en este ítem:
Fichero Descripción TamañoFormato 
000387363-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo1,67 MBAdobe PDFAbrir
Ver


Todos los ítems en el Repositorio de la PUCRS están protegidos por derechos de autor, con todos los derechos reservados, y están bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial 4.0 Internacional. Sepa más.