Por favor, use este identificador para citar o enlazar este ítem: http://hdl.handle.net/10923/2225
Tipo: doctoralThesis
Título: A comunicação e a responsabilidade socioambiental da Gerdau e da Vale nos portais corporativos: possibilidades de legitimação da identidade, imagem e reputação
Autor(es): Silva, Lisiane Vasconcellos da
Orientador: Scroferneker, Cleusa Maria Andrade
Editor: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Comunicação Social
Fecha de Publicación: 2011
Palabras clave: COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL
RESPONSABILIDADE SOCIAL - EMPRESAS - MEIO AMBIENTE
ANÁLISE DO DISCURSO
COMPLEXIDADE
PORTAIS DA WEB
IMAGEM
Resumen: This study addresses issues related to communication and social and environmental responsibility found in the discourses of corporate portals, as one of the means for legitimatizing the identity, image and reputation of the companies Gerdau and Vale. Therefore, in conducting this research, we established as goals to understand how the discourses on social and environmental responsibility are presented in the corporate portals of Gerdau and Vale; analyze how the phrases/words social and environmental responsibility are being appropriated in the discourses available on the portals of the Organizations under study; and the possible relationship between these discourses and the legitimization of the identity, image and reputation of these Organizations. As far as the method and performing the analysis, we chose the Complexity Paradigm and its dialogic, recursive and holographic principles, of Edgar Morin, and the Discourse Analysis, of Charaudeau (2007; 2008). With regard to the main moments/phases of the research, we first conducted a theoretical-conceptual review and, by studying the concepts on social and environmental responsibility, we identified phrases/words that predominate in the definitions developed by the main authors studied. In the second moment/phase, we devoted ourselves to “(re)learn” about the Gerdau and Vale Organizations, through their portals. In the third moment/phase, we used the deconstruction and (re)construction proposal of the portals being studied, involving, mainly, the concepts of Nielsen and Thair (2002), referring to Usability Categories and Guidelines. The fourth moment/phase sought to understand the discourses on social and environmental responsibility, as well as the possible occurrence (or not) of evidence of any relationship between the intent of these discourses and the legitimization of the identity, image and reputation of these Organizations. We believe that, based on the different deconstructions and (re)constructions performed in this research and the studies related to the theoretical concepts that were revisited, that Gerdau and Vale are seeking to legitimize their identity, image and reputation through the discourses on social and environmental responsibility, found on their corporate portals.
Este estudo aborda as questões relacionadas à comunicação e à responsabilidade socioambiental presentes nos discursos de portais corporativos, como uma das possibilidades de legitimação da identidade, imagem e reputação das organizações Gerdau e Vale. Assim, para a realização desta pesquisa, estabelecemos como objetivos compreender como os discursos sobre responsabilidade socioambiental são apresentados nos portais corporativos da Gerdau e da Vale; analisar como as expressões/palavras responsabilidade socioambiental estão sendo apropriadas nos discursos disponibilizados nos portais pelas Organizações pesquisadas; e discutir as possíveis relações entre esses discursos com a legitimação da identidade, da imagem e da reputação dessas Organizações. Quanto ao método e a condução da análise, optamos pelo Paradigma da Complexidade e seus princípios dialógico, recursivo e hologramático, de Edgar Morin, e a Análise do Discurso, de Charaudeau (2007; 2008). No que se refere aos principais momentos/movimentos da pesquisa, primeiramente, realizamos a revisão teórico-conceitual e, ao estudarmos os conceitos sobre responsabilidade socioambiental, identificamos expressões/ palavras que predominam nas definições elaboradas pelos principais autores estudados. Num segundo momento/movimento, nos dedicamos a “(re)conhecer” as Organizações Gerdau e Vale, por intermédio dos seus portais. No terceiro momento/movimento, utilizamos a proposta de desconstrução e (re)construção dos portais estudados, envolvendo, principalmente, os conceitos de Nielsen e Thair (2002), referentes as Categorias e Diretrizes de Usabilidade.O quarto momento/movimento buscou compreender os discursos sobre responsabilidade socioambiental, assim como a possível ocorrência (ou não) de indícios de alguma relação entre a intenção destes discursos com a legitimação da identidade, imagem e reputação destas Organizações. Acreditamos que, com base nas várias desconstruções e (re)construções realizadas nesta pesquisa, e nos estudos relacionados aos conceitos teóricos revisitados, que a Gerdau e Vale, buscam a legitimação da sua identidade, imagem e reputação por meio dos discursos sobre responsabilidade socioambiental, presentes em seus portais corporativos.
URI: http://hdl.handle.net/10923/2225
Aparece en las colecciones:Dissertação e Tese

Ficheros en este ítem:
Fichero Descripción TamañoFormato 
000433660-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo7,8 MBAdobe PDFAbrir
Ver


Todos los ítems en el Repositorio de la PUCRS están protegidos por derechos de autor, con todos los derechos reservados, y están bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial 4.0 Internacional. Sepa más.