Por favor, use este identificador para citar o enlazar este ítem: http://hdl.handle.net/10923/2716
Tipo: masterThesis
Título: Assistência integral no Hospital Moinhos de Vento: estudo de caso de um modelo de gestão assistencial com foco na pessoa
Autor(es): Weber, Bernardete
Orientador: Castro, Marta Luz Sisson de
Editor: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Educação
Fecha de Publicación: 2009
Palabras clave: ADMINISTRAÇÃO HOSPITALAR
RELAÇÕES HUMANAS
RECURSOS HUMANOS EM SAÚDE
ASSISTÊNCIA CENTRADA NO PACIENTE
SERVIÇOS DE SAÚDE
Resumen: This study evaluated patient and caregiver perceptions concerning the attention provided to patients at Hospital Moinhos de Ventos (Porto Alegre, Brazil), a hospital that adopts a novel Integral Care management model. Participants answered a semi-structured questionnaire to: (1) identify unique features of the healthcare provided and received at Hospital Moinhos de Vento; (2) describe bedside care; and (3) define Integral Care. I analyzed the interviews in search of references to the dimensions that make up the two axes originally supporting the Integral Care model: Assistance (comprising respect, attention, sensitivity, empathy, focus on the individual, and welcoming) and Attendance (results, structure and process). A case study, qualitative methodology was adopted. Ten caregivers who had worked or were still working at other hospitals and 7 patients with more than one hospitalization experience were interviewed. In addition, documents and reports retrieved from the Hospital’s satisfaction questionnaires were examined. The analysis revealed that Integral Care is seen as a standard of quality in the services provided at the institution. Interviewees’ responses produced a novel configuration of Integral Care dimensions, and new domains were added to both axes:"education and training" to Attendance, and “ethics”, and “spirituality and commitment” to Assistance. “Results” became an extension of the two original axes. In Assistance, “attention”, “welcoming”, “respect”, and “sensitivity and empathy” were placed together under “focus on the individual,” as they were identified as referring to and describing that dimension.In conclusion, not only was Integral Care seen as a healthcare model in which the patient is the center of attention, but also, and especially, as a model of quality in Hospital Care Management. Future studies should investigate the direct and indirect financial effects of adopting this model.
Este estudo teve como objetivo investigar a percepção de pacientes e profissionais acerca do cuidado no modelo de gestão assistencial denominado Assistência Integral, praticado no Hospital Moinho de Vento, na Cidade de Porto Alegre, Rio Grande do Sul. Para tanto, os entrevistados responderam a uma entrevista semi-estruturada com os seguintes focos: 1) identificar diferenciais de cuidado prestado e recebido no Hospital Moinhos de Vento; 2) descrever o cuidado na beira de leito; e 3) definir a Assistência Integral. A partir disso, procurei identificar no discurso manifestações dos entrevistados acerca de cada uma das dimensões dos eixos Assistir (dimensões respeito, atenção, sensibilidade e empatia, foco na pessoa e acolhimento) e Atender (resultados, estrutura e processo), que são a base do modelo de Assistência Integral. A metodologia adotada foi de estudo de caso de base qualitativa. Foram entrevistados 10 profissionais da saúde, com experiência anterior ou concomitante em outros hospitais e 7 pacientes com mais de uma internação hospitalar. Além da amostra de 17 pessoas, foram examinados documentos institucionais e depoimentos registrados no instrumento de avaliação de satisfação do Hospital. A análise mostrou que a Assistência Integral é identificada com um diferencial de qualidade de atendimento. O discurso dos entrevistados produziu uma reconfiguração das dimensões do modelo, com acréscimo de dimensões em ambos os eixos: no Atender foi incluída a dimensão “formação e capacitação”, e no Assistir, as dimensões “ética” e “espiritualidade e comprometimento”. “Resultados” passou a ser uma dimensão de ambos os eixos. No Assistir, as dimensões “atenção”, “acolhimento”, “respeito” e “sensibilidade e empatia” passaram a integrar “foco na pessoa”, por serem todas expressões que remetem a este sentido.Em conclusão, existe um reconhecimento da Assistência Integral não apenas como modelo de cuidado no qual o paciente é o foco e o centro das ações, mas especialmente como modelo de qualidade na Gestão da Assistência Hospitalar. Estudos futuros deverão enfocar também aspectos relativos ao impacto financeiro direto e indireto da adoção desse modelo.
URI: http://hdl.handle.net/10923/2716
Aparece en las colecciones:Dissertação e Tese

Ficheros en este ítem:
Fichero Descripción TamañoFormato 
000410253-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo4,67 MBAdobe PDFAbrir
Ver


Todos los ítems en el Repositorio de la PUCRS están protegidos por derechos de autor, con todos los derechos reservados, y están bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial 4.0 Internacional. Sepa más.