Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/2823
Tipo: masterThesis
Título: A dimensão comunitária da escola construção de parcerias entre a escola e a comunidade
Autor(es): Reinhardt, Rosemari Dorigon
Orientador: Castro, Marta Luz Sisson de
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Educação
Data de Publicação: 2003
Palavras-chave: SOCIOLOGIA EDUCACIONAL
EDUCAÇÃO E SOCIEDADE
COMUNIDADE E ESCOLA
CIDADANIA
PROGRAMAS SOCIAIS
Resumo: With the objective of investigating the practices of the relations school-community, looking at the effects of the construction of partnerships and analyzing the forms of organization, dialogue and collaboration that tries to enlarge the vision of society and world, the study was done in six public schools of Porto Alegre, where actions of partnership were happening. The voices of thirty persons through semi-structured interviews adapted to the different individuals and planned with a previous appointment. Were interviewed principals, teachers, students and partners in a research context called multiple case studies in a qualitative and descriptive perspective. The main thesis that supports the study is the idea that school and community shape each other in a dynamic process of interdependent relations that promotes humankind. The role of school management, in this process, is to reflect upon the conceptions that emerged in the movements between school and society using the symbology of gates, of different formats, colors and sounds, and its contribution to the closeness of school and community. In this direction the research allowed the verification of going beyond merely formal relations in the quotidian of the partnerships in direction of the construction of valued links that enables the openness of the school towards its community. The communitarian dimension of the school was a relation in partnership that lead to new partners and programs, reproducing positive relations that lead to creative negotiation, mobilization and solidarity, creation of opportunities to value the knowledge available in the context, to exercise in a pro-active way the rights and duties of citizenship, organization and implementation of action for the common good, and achievement the social role of school in its humanitarian mission.
Com o propósito de investigar as práticas de abertura da escola com a comunidade, examinando os efeitos resultantes da construção de parcerias e analisando as formas de organização, colaboração e diálogo que buscam ampliar a visão de mundo e de sociedade, a pesquisa foi realizada em seis escolas públicas de Porto Alegre que já desenvolviam ações de parceria, ouvindo as vozes de 30 pessoas, por meio de entrevistas semi-estruturadas adaptadas aos diferentes sujeitos e agendadas previamente. Foram entrevistados diretores, professores, alunos e parceiros das escolas num contexto da pesquisa caracterizada como um Estudo de Caso Múltiplo, de cunho descritivo, numa abordagem qualitativa. O pressuposto central que sustenta o conjunto da pesquisa é de que escola e comunidade constituem-se numa dinâmica de relações interdependentes, que encontram o seu ponto de percurso quando se unem em favor da promoção humana. O papel da gestão escolar, nesse processo, é o de refletir as concepções geradas pelos movimentos de aproximação entre escola e comunidade, na aprendizagem produzida pela interação do “eu” com o “nós”. Dessa forma, e com base na simbologia do portão, a gestão é representada pelos diferentes formatos, cores e sons dos portões, que indicam a sua receptividade com as ações de compartilhamento. Portanto, a pesquisa permitiu verificar a ultrapassagem das relações meramente formais no cotidiano das parcerias, com a construção de vínculos capazes de reduzir os espaços de fechamento das escolas. Assim, a dimensão comunitária da escola se fundamenta numa relação em que uma parceria produziu outra, replicando em novas parcerias, as quais resultaram em práticas criativas de negociação mobilização e solidariedade, criação de oportunidades de valorização do saber comunitário, exercício pró-ativo dos direitos e deveres de cidadania, organização e implementação de ações de interesse comum, e cumprimento do papel social da escola, na sua missão essencialmente humanizadora.
URI: http://hdl.handle.net/10923/2823
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000414872-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo398,36 kBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.