Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10923/2828
Type: doctoralThesis
Title: Deslugarização: a provisoriedade das conversações na singularidade dos fios
Author(s): Souza, Dóris Helena de
Advisor: Abrahão, Maria Helena Menna Barreto
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Graduate Program: Programa de Pós-Graduação em Educação
Issue Date: 2007
Keywords: EDUCAÇÃO
PEDAGOGIA
PROFESSORES - FORMAÇÃO PROFISSIONAL
PROFESSORES - ATUAÇÃO PROFISSIONAL
RELAÇÃO PROFESSOR-ALUNO
RELAÇÕES INTERPESSOAIS
Abstract: O presente trabalho apresenta o resultado de uma investigação realizada por quatro anos com alunas/professoras de um curso de Pedagogia, que até 2006 habilitava-as para a docência de anos iniciais do Ensino Fundamental. O estudo analisa as práticas destas alunas/professoras, no sentido de perceber que a experiência de estar-sendo-professora-ainda-estando-aluna envolve relações que ora capturam, ora libertam quem a vive, uma vez que esta experiência é um movimento de permanente vir a ser, tese deste trabalho. Esta tese relaciona o movimento de deslugarização com o contar de si e do outro de diferentes modos. Este trabalho é marcado pelo diálogo com teóricos como Foucault, Certeau, Bhabha, Marc Àuge e outros que se referem às relações de amizade no processo de ensinar e aprender. Junto a estas teorizações, problematiza-se a possibilidade estar-sendo-professora-ainda-estando-aluna pelos dispositivos que compuseram o material empírico analisado: os memoriais de vida, as expectativas em relação à prática docente e as cartas pedagógicas. Todos eles parte integrante dos Relatórios Finais de estágio docente. O estar-sendo-professora-ainda-estando-aluna contrapõe-se, neste trabalho, ao ser professora e estar aluna, pois esta é a diferença que o movimento de deslugarização busca tornar diferente.
This research presents the result of a four-year investigation among students/teachers of an Education course, which until 2006 qualified them to teach the initial years of school, Ensino Fundamental. The study analyzes these students/teachers practices in order to understand the experience of being-a-teacher-while-still-being-a-student implies relations that sometimes capture, sometimes free the ones who have this experience, once this experience is a permanent movement of come to be, thesis of this research. This thesis relates the out-of-place (deslugarização) movement to the practice of telling about yourself and about the other in different ways. The dialogue with theoreticals as Foucault, Certeau, Bhabha, Marc Àuge among others who refer to friendship relations within the teaching and learning process, is a characteristic of this research. Along with these theories, the possibility of being-a-teacher-while-still-being-a-student is discussed based on the elements that have composed the empirical material analyzed: life memories, expectations towards the teaching practice, and the pedagogical letters. All of them part of the teaching training Final Reports. Being a teacher while still being a student counterpoints, in this research, a teacher being a student, as this is the difference that the out-of-place (deslugarização) movement proposes to change.
URI: http://hdl.handle.net/10923/2828
Appears in Collections:Dissertação e Tese

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
000390172-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo763,98 kBAdobe PDFOpen
View


All Items in PUCRS Repository are protected by copyright, with all rights reserved, and are licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License. Read more.