Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10923/3577
Type: masterThesis
Title: A importância da análise do apoio plantar em idosos: um estudo comparativo entre jovens e idosos
Author(s): Chiappin, Daniela
Advisor: Stobäus, Claus Dieter
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Graduate Program: Programa de Pós-Graduação em Gerontologia Biomédica
Issue Date: 2007
Keywords: GERIATRIA
GERONTOLOGIA
FISIOPATOLOGIA
MEMBROS INFERIORES - ANATOMIA
ENVELHECIMENTO
BIOMECÂNICA
IDOSOS
Abstract: A mensuração da distribuição da pressão plantar é um método que atualmente tem sido utilizado para avaliar possíveis patologias dos pés. Com o avançar da idade, modificações fisiológicas vão acontecendo, inclusive na marcha, que possui relação com a distribuição da pressão plantar. Este estudo teve a finalidade de mensurar e comparar a distribuição da pressão plantar em grupos de adultos jovens e de adultos idosos. A amostra foram 29 participantes jovens (30,4 ± 5,0), e 29 participantes idosos (68,1 ± 6,4) saudáveis, sem patologias de membros inferiores e pés. A distribuição da pressão plantar foi realizada ao caminhar, de forma dinâmica, realizada através do método com palmilhas capacitivas (pedar novelgmbh, 2005) introduzidas em um calçado padronizado para ambos os gêneros, com objetivo de analisar o pico de pressão e através do sistema de plataforma de pressão (emedx novelgmbh, 2004) com os pés descalços, para avaliar as variáveis pico de pressão máxima, área de contato e centro de pressão. O pé foi dividido e três mascaras: retropé, mediopé e antepé. Os resultados encontrados foi uma pressão menor no pico total do pé no grupo dos idosos com os pés calçados. Não houve diferença com o grupo com os pés descalços. A área de contato foi maior nos idosos na região do retropé e a linha da trajetória do centro de pressão foi semelhante para ambos os grupos. A conclusão do presente estudo mostra que a hipótese de que existem diferenças significativas entre a distribuição da pressão plantar nos grupos foi acertada, isto acontece com o avançar da idade, ocorrendo menor pressão plantar durante a caminhada, podendo apresentar uma marcha mais conservadora, com maior apoio no primeiro momento do toque do calcanhar. Isto nos leva a recomendar que sejam realizados mais estudos, levando em conta diferentes idades, por gênero, amostras maiores.
The measurement of the distribution of the plantar pressure is a method which has been used nowadays to evaluate possible feet pathologies. With aging physiologic changes take place, including the march, which has a relation to the distribution of plantar pressure. This study aimed to measure and also compares the distribution of the plantar pressure in groups of young adults and aged adults. The sample counted on 29 young participants (30,4 ± 5,0) and 29 old participants (68,1 ± 6,4), healthy, without any pathology on lower limbs and feet. The distribution of the plant pressure was carried out while walking, in a dynamic way, accomplished through the method with capacitive insoles (pedar novelgmbh ,2005) inserted in a standardized shoe for both genres, with the objective of analyzing the pressure peak and through the system of pressure plafform (emed-x novelgmbh ,2004) barefoot to evaluate the variable of the maximum peak of pressure, contact area and center of pressure. The foot was divided in three faces: rearfoot, forefoot and middlefoot. The result found was a smaller pressure on the total peak of the foot in the group of old ones who were wearing shoes. There was no difference regarding the group who was barefoot. The contact area was bigger in the group of old ones in the rearfoot region and the trajectory line of the center of pressure was similar for both of the groups. The conclusion of the present study shows that the hypothesis of the existence of significant differences between the distribution of the plantar pressure in the groups was correct, this happens with ageing, occurring a smaller plantar pressure during the walking, and it can show a more conservative march, with a bigger support in the first moment of the touching of the heel. This leads us to recommend that more studies can be carried out taking into consideration different ages, genres and bigger samples.
URI: http://hdl.handle.net/10923/3577
Appears in Collections:Dissertação e Tese

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
000404133-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo699,78 kBAdobe PDFOpen
View


All Items in PUCRS Repository are protected by copyright, with all rights reserved, and are licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License. Read more.