Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/4051
Tipo: doctoralThesis
Título: Um estudo sobre a memória de trabalho, a consciência fonológica e a escrita em pacientes com Doença de Alzheimer
Autor(es): Vacari, Marivone Faturi
Orientador: Lamprecht, Regina Ritter
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Letras
Data de Publicação: 2010
Palavras-chave: FONOLOGIA
DOENÇA DE ALZHEIMER
ESCRITA
MEMÓRIA
Resumo: Os sintomas clínicos da doença de Alzheimer (DA) caracterizam-se por alterações cognitivas, entre elas, a memória e a linguagem. No que compete à linguagem, estudos atuais têm revelado que os prejuízos linguísticos não se limitam apenas a mudanças no vocabulário. Falhas na escrita, na compreensão leitora e sua correlação com a memória de trabalho já são detectados na fase inicial da doença. O objetivo deste estudo foi verificar se há uma relação entre o desempenho em consciência fonológica com habilidades de escrita e memória de trabalho em pacientes com DA leve e moderada falantes do português brasileiro. O presente trabalho foi realizado com pacientes do setor de neurologia do Hospital de Clínicas de Porto Alegre. Foram avaliados 05 sujeitos com diagnóstico de DA de gravidade leve e 05 idosos com DA de gravidade moderada. Também participaram do estudo 10 idosos saudáveis pertencentes ao grupo controle. Os dados mostram que os indivíduos com DA avaliados apresentam desempenho inferior em relação ao grupo controle em todas as atividades solicitadas. Embora com um grupo pequeno, este estudo identificou alterações cognitivas nos sujeitos com DA, como habilidades de memória de trabalho, consciência fonológica e escrita.
The clinical symptoms of Alzheimer's disease (AD) are characterized by cognitive impairment, including memory and language. Concerning language, current studies have revealed that linguistic damages are not limited to changes in vocabulary. Errors in writing, reading comprehension and its correlation with working memory are already detected in early disease. The aim of this paper is to determine whether there is a relationship between performance in phonological awareness, writing skills and working memory in mild and moderate AD patients, all of them speakers of Brazilian Portuguese. The research was conducted in Hospital de Clinicas de Porto Alegre Neurology Center. Five subjects with a DA diagnosis of mild severity and five with AD of moderate severity were evaluated. Ten healthy elderly subjects have also participated as a control group. The data show that the performance of individuals with AD was lower if compared with the control group in all activities requested. Although the sample consists of a small group, this study has identified cognitive impairments, as working memory skills, phonological awareness and writing in subjects with AD.
URI: http://hdl.handle.net/10923/4051
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000426434-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo3,53 MBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.