Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10923/4269
Type: doctoralThesis
Title: A subordinação no português brasileiro: da tradição gramatical à visão lingüística
Author(s): Moreira, Edelvira Aída da Silva
Advisor: Ibaños, Ana Maria Tramunt
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Graduate Program: Programa de Pós-Graduação em Letras
Issue Date: 2007
Keywords: PORTUGUÊS - GRAMÁTICA
LINGUÍSTICA PORTUGUESA - BRASIL
PORTUGUÊS - ANÁLISE SINTÁTICA
PORTUGUÊS - SINTAXE
Abstract: Este trabalho tem como objetivo investigar a sentença subordinativa em editoriais jornalísticos, detendo-se, no estudo prescritivista, como um todo, difundido pelas gramáticas tradicionais, e nas teorias funcionalistas, para explicar as manifestações e interferência do nível funcional da língua na escolha das formas verbais e do modo indicativo para a instituição da oração subordinada nos textos de opinião. A amostra é constituída por 23 textos de editoriais veiculados pelos principais jornais brasileiros. A partir dos dados levantados, é possível constatar as ocorrências em orações subordinadas das formas verbais e do modo indicativo e analisar as peculiaridades encontradas por esses elementos lingüísticos na composição das sentenças subordinativas. Os resultados das análises evidenciam que o verbo se apresenta no infinitivo em diferentes estruturas sintáticas e que o predomínio das orações reduzidas de particípio, do modo indicativo e da oração adjetiva implica funcionalidade da língua, estabelecida nos diferentes contextos de uso em que está inserido o editorial jornalístico. Assim, a subordinação não segue os padrões gramaticais tradicionais na instituição da sentença subordinativa e tem como princípio que a escolha das formas e dos modos verbais, em textos de opinião, tem como determinante o nível funcional da língua.
The present paper has as its main goal to investigate the subordinated process in jornalistic editorials, with a focus on the prescriptive approach, as a whole, spread by the traditional grammars, and in the functionalistic theories to explain the manifestations and interference of the functional level of the language in the choice of verbal forms and of the indicative in the building of subordinate sentences in texts which express opinion. Twenty three texts are used in the sample, text which were taken from the main Brazilian newspapers. From the data collected, it is possible to verify the occurrences in subordinate sentences of the verbal forms and the indicative form and to analyse the peculiarities found by these linguistic elements in the building of subordinate sentences. The analyses results evidence that the verb is presented in the infinitive in the different syntactive structures and that the sentences predominance reduced of participle, in an indicative manner of the adjective sentence implies the language functionality, established by the different use contexts in which it is inserted. This way, the subordination does not follow the grammatical standards in the building of the subordinate sentence and has as principal the functional level of the language as determinant in the choice of the forms and verbal manners in texts expressing opinions.
URI: http://hdl.handle.net/10923/4269
Appears in Collections:Dissertação e Tese

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
000400601-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo12,87 MBAdobe PDFOpen
View


All Items in PUCRS Repository are protected by copyright, with all rights reserved, and are licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License. Read more.