Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/4541
Tipo: masterThesis
Título: Expressão de HSP70 e razão entre os índices de proliferação celular e apoptose em carcinoma de mama com e sem metástases axilares
Autor(es): Maurique, Lettícia Rodrigues de Almeida
Orientador: Silva, Vinicius Duval da
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Medicina e Ciências da Saúde
Data de Publicação: 2010
Palavras-chave: MEDICINA
NEOPLASIAS DA MAMA
APOPTOSE
METÁSTASES NEOPLÁSICAS
Resumo: Objetivos: Investigar a expressão de Hsp70 e a razão entre proliferação celular e apoptose através da expressão imunoistoquímica de Caspase-3 e Ki-67 nas amostras teciduais de mulheres com carcinoma ductal invasor de mama com e sem presença de metástase linfonodal, tratadas em um hospital terciário de ensino, em comparação com amostras de pacientes com diagnóstico de alteração fibrocística no tecido mamário. Materiais e Métodos: Realizado um estudo do tipo transversal, sendo selecionados para o presente trabalho 25 pacientes com diagnóstico de carcinoma ductal invasor de mama com presença de metástase axilar, 25 pacientes com carcinoma ductal invasor de mama sem presença de metástase axilar e 10 pacientes com diagnóstico de alteração fibrocística da mama, que neste trabalho serviram como grupo controle. Através de técnicas de imunoistoquímica, foram avaliadas as expressões de Hsp70, Caspase-3 e Ki-67 e calculada a razão entre a taxa de proliferação celular e apoptose dos grupos estudados. Resultados: A análise de Hsp70 mostrou diferença significativa no tecido linfonodal entre as pacientes com câncer de mama, estando sua expressão aumentada no tecido sem presença de metástase tumoral. Ao avaliarmos a proliferação celular através do marcador Ki-67, evidenciamos diferença significativa entre os três grupos estudados. No tecido mamário e linfonodal das pacientes sem metástase atilar evidenciamos um maior percentual de positividade para Caspase-3.A mensuração da razão entre proliferação celular e apoptose mostrou diferença significativa somente ao compararmos os grupos com carcinoma ductal invasor de mama ao grupo controle. Entretanto a razão não difere entre os grupos com diagnóstico de câncer de mama. Conclusão: Os dados sobre a positividade de Hsp70 no tecido linfonodal sugerem que essa proteína pode estar associada a uma proteção focai contra a proliferação tumoral nessas áreas. Por outro lado, a razão entre proliferação celular e apoptose não deve ser usada como indicador de prognóstico da doença até o momento.
Objectives: Investigate the expression of Hsp70 and the relation between cellular proliferation and apoptosis from immunohistochemical index of Caspase-3 and Ki-67 in tecidual samples of women with invasive ductal carcinoma with and without presence of linfonodal metastasis, treated on a school hospital, in comparison with breast tissue samples of patients with diagnosis of mammary fibrocystic variation treated at the same hospital. Material and Methods: Performed a transversal study, being arrenged 25 patients with diagnosis of invasive ductal carcinoma of the breast with presence of axilar linfonodal metastasis, 25 patients with invasive ductal carcinoma of the breast without presence of linfonodal metastasis and 10 patients with diagnosis of mammary fibrocystic variation, wich became our control group. Using immunohistochemical techniches, we observed the expression of Hsp70, Caspase-3 and Ki-67 and the relation between cellular proliferation rate and apoptosis in the studied groups. Results: The annalysis of Hsp70 showed significant diference in the linfonodal tissue among patients with diagnosis of breast cancer, and its expression was higher at the group without presence of linfonodal envolvement. As we evaluated cellular proliferation rate by using expression of Ki-67, we noticed significant difference between the three groups studied. At the breast and linfonodal tissues from patients without axilar envolvement, we noticed a higher level of positivity for Caspase-3.The relation between cellular proliferation rate and apoptosis showed significant difference only as we compare groups with invasive ductal breast cancer from control patients. On the other hand, this relation does not show any difference among the groups with diagnosis of breast cancer. Conclusion: The data about Hsp70 posititivity in the linfonodal tissue suggest that this protein may be associated with a local protection against breast cancer at those areas. The relation between cellular proliferation rate and apoptosis should not be used as an indicator of patient´s prognosis at this time.
URI: http://hdl.handle.net/10923/4541
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000426083-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo808,62 kBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.