Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10923/4967
Type: masterThesis
Title: A transdialógica na integralidade da atenção a saude: a organização da saúde e a saúde da organização
Author(s): Severo, Silvani Botlender
Advisor: Seminotti, Nedio Antônio
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Graduate Program: Programa de Pós-Graduação em Psicologia
Issue Date: 2006
Keywords: PSICOLOGIA
SAÚDE COLETIVA
RELAÇÕES DE TRABALHO
RELAÇÕES INTERPESSOAIS
RECURSOS HUMANOS EM SAÚDE
TRANSDISCIPLINARIDADE
EQUIPES DE TRABALHO
SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE
Abstract: A presente dissertação discute a ativação da integralidade em equipes multiprofissionais na saúde coletiva no Sistema Único de Saúde - SUS, a partir de questionamentos advindos da prática da pesquisadora enquanto trabalhadora/gestora em saúde, apoiada na revisão da literatura sobre esta área de conhecimento. Os textos produzidos por trabalhadores/pesquisadores na saúde coletiva foram entrelaçados com os estudos da complexidade a partir de Edgar Morin e da lógica transdisciplinar de Basarab Nicolescu. A discussão foi organizada em torno da interdependência entre Sujeito e Coletividade na construção da política pública em saúde e na compreensão dos paradoxos na ação coletiva dos trabalhadores no desafio de integrar as formações disciplinares à exigência na prática de processos inter/transdisciplinares. A pesquisa foi realizada junto à equipe multiprofissional de um Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) em uma cidade da região metropolitana no Estado do Rio Grande do Sul. Este é um serviço substitutivo ao modelo hospitalocêntrico, proposto pela Reforma Psiquiátrica, a partir das diretrizes da Saúde Coletiva.Caracterizou-se como pesquisa experimental qualitativa onde os dados coletados aconteceram através da observação participante e sistemática dos registros em diário de campo e a consulta a documentos. O foco principal da observação foi em quatro reuniões da equipe multiprofissional, que foram gravadas e transcritas. A dissertação é composta por dois capítulos. A primeira parte contextualiza a prática complexa e transdisciplinar em saúde na reorientação do modelo assistencial com ênfase na integralidade da atenção, unida à compreensão da noção de Sujeito trabalhador aberto à alteridade e a intersubjetividade. A segunda é a tradução do percurso metodológico caracterizado como transdialógico que uniu a recursividade entre os dados coletados e a lógica da pesquisadora. O estudo desvelou a coexistência de duas lógicas que organizam os processos de trabalho na saúde: a lógica da doença/lógica disciplinar e a lógica da integralidade/lógica transdisciplinar revelam a questão de que o diálogo entre ambas pode ser viabilizado pela inclusão do Sujeito Terceiro Termo Incluído nos pares de contraditórios.
This dissertation discusses the activation of comprehensiveness in multi-professional teams of collective health of Sistema Único de Saúde – SUS, from questions derived from the practice of this researcher as a health worker/manager, supported by literature on this area of knowledge. The texts produced by workers/researchers in collective health were intertwined both with studies of complexity according to Edgar Morin and with the transdisciplinary logic proposed by Basarab Nicolescu. The discussion was organized around the interdependence between Subject and collectivity in the construction of health public policy and the understanding of paradoxes in the collective action of workers when challenged to integrate disciplinary formations with the requirement of inter/transdisciplinary processes in their practice. This research was carried out with the multi-professional team of a Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) in a city in the metropolitan area in Rio Grande do Sul. This Center is a substitute service to the hospital-centered model, proposed by the psychiatric reform from the guidelines of Collective Health. It is characterized as an experimental, qualitative research whose data were collected through participative observation, recordings in the field book, and consultation of documents. The focus of observation consisted of four meetings of the multiprofessional team, which were recorded and transcribed. This dissertation consists of two chapters. The first part contextualizes the complex and transdisciplinary practice in health in the reorientation of the assisting model with emphasis on comprehensiveness of attention, together with the understanding of the notion of worker Subject opened to otherness and intersubjectivity. The second part is the translation of the methodological route characterized as transdialogical that joined the recurrence between data collected and the researcher’s logic.The study showed the coexistence of two logics organizing the work processes in health: the logic of illness/disciplinary logic and the logic of comprehensiveness/transdisciplinary logic reveal the issue that the dialogue between both logics may be viable through the inclusion of the Third Term Included Subject in the contradictory pairs.
URI: http://hdl.handle.net/10923/4967
Appears in Collections:Dissertação e Tese

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
000389644-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo543,4 kBAdobe PDFOpen
View


All Items in PUCRS Repository are protected by copyright, with all rights reserved, and are licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License. Read more.