Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10923/4990
Type: masterThesis
Title: Avaliação de reações pós-traumáticas em bancários vítimas de ataques a bancos
Author(s): Schaefer, Luiziana Souto
Advisor: Kristensen, Christian Haag
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Graduate Program: Programa de Pós-Graduação em Psicologia
Issue Date: 2011
Keywords: PSICOLOGIA COGNITIVA
TRAUMAS PSICOLÓGICOS
SAÚDE OCUPACIONAL
DEPRESSÃO
ANSIEDADE
ESTRESSE (PSICOLOGIA)
Abstract: Esta dissertação é composta de três estudos, sendo dois teóricos e um empírico, apresentados na forma de artigos. O objetivo geral do trabalho foi investigar a manifestação de reações pós-traumáticas em bancários vítimas de ataques a bancos. O primeiro artigo teórico apresentou uma discussão acerca do Transtorno de Estresse Pós- Traumático (TEPT) decorrente de acidente de trabalho, incluindo critérios diagnósticos e as principais repercussões clínicas, socioeconômicas e jurídicas desencadeadas em virtude do transtorno. O segundo artigo consiste em uma revisão teórica sobre as possíveis consequências psicológicas para as vítimas que experienciam um trauma, além de apresentar sugestões sobre métodos e instrumentos para a avaliação de reações pós-traumáticas em adultos. O artigo empírico caracteriza-se como uma pesquisa descritiva quanto aos seus objetivos, com um delineamento do tipo ex-post facto e teve como objetivo geral investigar a manifestação de reações pós-traumáticas em bancários vítimas de ataques a bancos. Constatou-se que grande parte dos bancários apresentou sintomatologia pós-traumática significativa, com predomínio de sintomas de excitabilidade aumentada, bem como níveis expressivos de ansiedade e depressão. De forma geral, esses resultados apontam para a insegurança que acompanha a rotina dos bancários, a qual desempenha um papel na manifestação sintomática, bem como no processamento cognitivo e nas estratégias de coping desses trabalhadores.
This essay consists of three studies, two theoretical and one empirical. The aim of this study was to investigate the manifestation of post-traumatic reactions in victims of bank attacks. The first article presented a theoretical discussion about Post-traumatic Stress Disorder (PTSD) resulting from occupational accident, including diagnostic criteria and psychological, socioeconomic, and legal implications of the disorder. The second paper is a theoretical review of the psychological consequences for victims who experienced a trauma, with suggestions on methods and tools for assessing post-traumatic reactions in adults. The empirical article was a descriptive study, with ex-post facto design and aimed to investigate the manifestation of post-traumatic reactions in bank employees who experienced bank attacks. It was found that most of bank employees had significant post-traumatic symptoms, with prevalence of hyperarousal symptoms, as well as significant levels of anxiety and depression. Overall, these outcomes point to the unsafeness that accompanies the routine of bank employees, which plays a role in symptomatic manifestation, as well as cognitive processing and coping strategies.
URI: http://hdl.handle.net/10923/4990
Appears in Collections:Dissertação e Tese

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
000430610-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo796,58 kBAdobe PDFOpen
View


All Items in PUCRS Repository are protected by copyright, with all rights reserved, and are licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License. Read more.