Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/5231
Tipo: masterThesis
Título: Um pacto pela terra: crise ecológica e novos paradigmas necessários à humanidade, a partir da teologia de Jürgen Moltmann
Autor(es): Machado, Renato Ferreira
Orientador: Brustolin, Leomar Antônio
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Teologia
Data de Publicação: 2009
Palavras-chave: TEOLOGIA
ECOLOGIA - ASPECTOS RELIGIOSOS
MOLTMANN, JÜRGEN - CRÍTICA E INTERPRETAÇÃO
PÓS-MODERNIDADE
TRINDADE
CRIAÇÃO
Resumo: Dissertação apresentada ao Mestrado em Teologia sobre as raízes teológicas da crise ambiental e a necessidade de renovação de paradigmas pra seu entendimento, a partir do pensamento de Jürgen Moltmann. Caracteriza-se a modernidade como tempo do rompimento entre o ser humano e a natureza. Analisa-se os valores e paradigmas de plenitude da modernidade e suas conseqüências para o planeta. Critica-se os modelos de pessoa, ciência e sociedade desenvolvidos a partir da modernidade ocidental européia. Busca-se um resgate da tradição sabática judaico-cristã como possibilidade para as relações planetárias. Retoma-se a imagem trinitária do Deus Criador como imagem para o ser humano. Propõe-se a superação do individualismo por uma identidade humana relacional e a superação da ciência instrumental pelo saber participativo. Afirma-se a sociedade do amor ao inimigo como possibilidade para uma sociedade em pacto.
Dissertation submitted to the Master's in theology on the theological roots of environmental crisis and the need for renewal of paradigms for their understanding, from the thought of Jürgen Moltmann. It is characterized as the modern time of rupture between human beings and nature. Breaks down the values of fullness and paradigms of modernity and its consequences for the planet. It criticizes the models of person, science and society developed from the modern Western Europe. Search is a redemption of the Judeo-Christian tradition sabbatical as a possibility for planetary relations. Reproduces itself the image of the Trinitarian God as Creator image for humans. It is proposed to overcome the individualism of a human identity and relational overrun by knowledge of science instrumental participatory. It is said to love the enemy of society as a possibility for a society in pact.
URI: http://hdl.handle.net/10923/5231
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000410456-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo567,75 kBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.