Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/5280
Tipo: masterThesis
Título: Igreja e comunicação social: um estudo de documentos do magistério pontifício
Autor(es): Zolin, Lúcia Inês Ugoski Volcan
Orientador: Zilles, Urbano
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Teologia
Data de Publicação: 2010
Palavras-chave: TEOLOGIA SISTEMÁTICA
IGREJA E COMUNICAÇÃO SOCIAL
IGREJA CATÓLICA E COMUNICAÇÃO SOCIAL
COMUNICAÇÃO DE MASSA - ASPECTOS RELIGIOSOS
IGREJA CATÓLICA - HISTÓRIA
IGREJA CATÓLICA - DOCUMENTAÇÃO
DOCUMENTOS PONTIFÍCIOS
Resumo: Esta dissertação de mestrado é o resultado de um estudo realizado sobre o pensamento da Igreja Católica a respeito da comunicação social, a partir da analise de documentos pontifícios que tratam deste tema e que foram publicados a partir da invenção da tipografia. Tal análise tem por objetivo entender qual o posicionamento da Igreja sobre a comunicação social, sobretudo, a que se desenvolve mediante o uso de diferentes recursos e instrumentos. O primeiro capítulo, além de descrever o que a Igreja pensa sobre a comunicação humana, também registra elementos teológicos que podem contribuir para a compreensão deste fenômeno. No segundo capítulo serão expostos os principais documentos publicados entre a época da invenção da prensa até o pontificado de João XXIII, na fase que antecedeu o Concílio Vaticano II. O terceiro capítulo trabalhará, na sequência, o pensamento pósconciliar. E, por fim, no quarto capítulo analisaremos a compreensão que a Igreja tem sobre o uso dos mass media para a evangelização. Disposta a superar as deficiências, hoje, a Igreja busca articular-se de forma sistemática, sobretudo através da Pastoral da Comunicação. Pastoral integradora, que deve perpassar todas as atividades eclesiais.
This present dissertation is the result of a study about the thoughts of the catholic Church regarding social communication with basis on the analysis of pontifical documents dealing with this subject and which have been published since the invention of printing. Such analysis has the purpose of understanding the position of the Church on social communication, particularly the one that develops by means of different resources and instruments. The first chapter, besides describing what the thought of the Church is about human communication, also registers the theological elements that may contribute to the understanding of this phenomenon. The second chapter presents the main documents published between the time when printing was invented until the pontificate of John XXIII, in the period prior to the II Vatican Council. The third chapter focuses, in sequence, on the post council thought. Finally, in the fourth chapter, it is analysed the understanding that the Church has about the use of mass media for evangelization. Concerning mass media, however, the Church acknowledges failures. Willing to overcome the flaws, the Church of today seeks to articulate in a systematic way, mainly through the Communication Pastoral Service, an integrating pastoral service to permeate all ecclesiastical activities.
URI: http://hdl.handle.net/10923/5280
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000422600-Texto+Parcial-0.pdfTexto Parcial56,77 kBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.