Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/550
Tipo: masterThesis
Título: Avaliação do efeito antimicrobiano da fotoativação a laser e da crioterapia em canais radiculares inoculados com enterococcus faecalis
Autor(es): Lehugeur, Felippe
Orientador: Heitz, Cláiton
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Palavras-chave: ODONTOLOGIA
TRAUMATOLOGIA BUCOMAXILOFACIAL
LASER - ODONTOLOGIA
CRIOTERAPIA
DIAGNÓSTICO BUCAL
Data de Publicação: 2009
Resumo: Este estudo testou o efeito antimicrobiano do hipoclorito de sódio a 2%, da fotoativação a laser de baixa potência e da crioterapia. As raízes de trinta e cinco dentes monorradiculares foram divididas em quatro grupos e inoculadas com Enterococcus faecalis (ATCC 2212), mantendo o cultivo deste microrganismo por 80 dias. Os grupos foram divididos da seguinte forma: 1- controle positivo, hipoclorito de sódio (n=5); 2- fotoativação a laser de baixa potência (λ=830nm), uma aplicação durante um período de 40 segundos numa potência de 100 mW (n=10); 3- crioterapia, uma aplicação por 40 segundos com nitrogênio líquido (n=10); 4- associação dos tratamentos realizados no grupo 2 e 3, respectivamente (n=10). Antes e depois dos tratamentos foi realizada a contagem das unidades formadoras de colônias presentes no canal radicular. Foi descrito o logaritmo em base dez desta variável pela média e o desvio padrão. Para a comparação das médias dos logaritmos, foi utilizada a análise de variância ANOVA e o teste post hoc de Tukey. Para comparar a evolução nos dois tempos entre os grupos, foi utilizada a análise de variância para medidas repetidas. O hipoclorito de sódio a 2% foi mais eficaz na redução das bactérias presente nos canais radiculares em comparação aos outros tratamentos, que não apresentaram diferença estatística na ação antimicrobiana, embora a associação da fotoativação a laser com a crioterapia tenha apresentado uma ação mais satisfatória em relação aos grupos 3 e 4. Concluímos que o hipoclorito de sódio a 2% é a técnica mais indicada para a descontaminação do canal radicular inoculados com Enterococcus faecalis.
This study tested the antimicrobial action of sodium hypochlorite 2%, low-power laser and cryotherapy. After instrumentation, 39 monoradicular roots were inoculated with Enterococcus faecalis (ATCC 2212) for 80 days and divided into 4 groups: 1 – positive control, sodium hypochlorite 2% (n=5), 2 – low-power laser to photoactived tolonium chloride (λ = 830 nm) at 100 mW for 40 s (n=10), 3 – cryotherapy, 40 s with liquid nitrogen (n=10) 4 – used the same protocol in groups 2 and 3, respectively (n=10). The count of colony forming units of E. faecalis present in the root canal before and after treatment was performed by seeding the surface of blood agar. The results of the second variation of the log were: group 1 = 0. 8296, group 2 = 3. 7315, group 3 = 0. 8284, group 4 = 1. 4727. The results show that the association of the low-power laser to photoactived tolonium chloride with cryotherapy showed a trend towards greater reduction in bacterial counts in the two treatments given separately. However, sodium hypochlorite 2% was more effective in reducing microorganisms in root canals in comparison with other treatments.
URI: http://hdl.handle.net/10923/550
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese (Odontologia)

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000423698-0.pdfTexto Completo232,19 kBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.