Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/7200
Tipo: masterThesis
Título: Sor Juana Inés de La Cruz: uma breve leitura das invocações e características de Maria
Autor(es): Silva, Eliane
Orientador: Pich, Roberto Hofmeister
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Teologia
Data de Publicação: 2015
Palavras-chave: TEOLOGIA
CRUZ, SOR JUANA INÉS DE LA - CRÍTICA E INTERPRETAÇÃO
VIRGEM MARIA
ESCOLÁSTICA
Resumo: The objective of this research is to identify and relate the various references and features of Mary in the work of Sor Juana Inés de la Cruz, from the more traditional theological aspects attributed to the Virgin. Born in San Miguel de Nepantla in 1651. At the age of nineteen she left the court's protection and opted to profess the Order of Jeronimas, where she produced most of her literary work in prose, verse, theater, novels, sonnets, love poetry, carols, letters, philosophical and theological writings. She wrote latin and castilian poems in the mexican language and in several dialects of the region. Maria clared to discuss and claim for the women of her time, the right to study and knowledge. Moreover, their knowledge in several areas of science were considered extraordinary for the occasion. She came to challenge in writing the Sermon of Mandate on the jesuit priest Antonio Vieira, with serious repercussions and ramifications at the time but whose discussion on the subject extends to the present day. From these initial observations, we examine how Sor Juana would have represented some notions of Mary's figure, especially in her carols in honor of the Conception and the Assumption of our lady and part of her prose writings, articulated how these notions in a particular type of narrative that sometimes tends to acquire a specific meaning. The intention is to analyze the relationships between these narratives and the context lived by religious woman in wich contex we understand as strongly shaped by the Christian faith, but also discussions, beliefs, theological challenges, literary and political. Therefore, this study intends to integrate different areas such as history, philosophy and the baroque literature of New Spain. From this research, we intend to contribute by bringing to the debate a topic and a time that are also part of the history of the Church and the religious and cultural thinking that permeated Mexico of XVII century, and adds a feminine name to the Scholastic Colonial Latin America.
O objetivo desta pesquisa é identificar e relacionar as diversas invocações e características de Maria na obra de Sor Juana Inés de la Cruz, a partir dos aspectos teológicos mais tradicionais atribuídos à Virgem. Nascida em São Miguel de Nepantla em 1651, por volta dos dezenove anos deixou a proteção da corte e optou por professar na Ordem das Jerônimas, onde produziu a maior parte da sua obra literária em prosa, verso, teatro, romances, sonetos, poesia amorosa, villancicos, cartas, escritos filosóficos e teológicos. Escreveu poemas latinos, castelhanos, na língua mexicana e em diversos dialetos daquela região. Ousou discutir e reivindicar para as mulheres da sua época, o direito aos estudos e ao conhecimento. A propósito, seus conhecimentos nas mais diversas áreas da ciência foram considerados extraordinários para a ocasião. Chegou a contestar, por escrito, o Sermão do Mandato do padre jesuíta Antonio Vieira, com sérias repercussões e desdobramentos naquele momento, mas cuja discussão sobre o assunto se estende até os dias de hoje.A partir destas observações iniciais, passamos a examinar como Sor Juana teria representado algumas noções da figura de Maria, especialmente nos seus villancicos em honra da Conceição e Assunção de Nossa Senhora e em parte dos seus escritos em prosa, de como articulou estas noções em um determinado tipo de narrativa que, por vezes, tende a adquirir um sentido próprio. A intenção é analisar as relações entre tais narrativas e o contexto vivido pela religiosa, contexto esse que entendemos como fortemente moldado pela fé cristã, mas também por discussões, crenças, desafios teológicos, literários e políticos. Para tanto, o presente estudo pretende integrar à teologia, diferentes áreas como a Hstória, a Filosofia e a Literatura Barroca da Nova Espanha. Com esse exercício, pretendemos contribuir, trazendo para o debate um tema e uma época importante para os primórdios da história da Igreja no México do século XVII, além de acrescentar um nome feminino ao período da Escolástica Colonial da América Latina.
URI: http://hdl.handle.net/10923/7200
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000466733-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo3,85 MBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.