Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/7380
Tipo: masterThesis
Título: Uma metodologia para definição de modelos de cobrança em ambientes de nuvens computacionais
Autor(es): Langer, Silvio Augusto
Orientador: De Rose, César Augusto Fonticielha
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Ciência da Computação
Data de Publicação: 2012
Palavras-chave: INFORMÁTICA
COMPUTAÇÃO EM NUVEM
COBRANÇA
Resumo: Nowadays cloud computing is considered a new concept for the provision of computational infrastructure. In this environment, clients can access and use software, platform or infrastructure as a service to reduce their costs, compared to the traditional values of datacenter model. To make this feasible, customers are charged by the use of computer resources by means of a charging model. These models determine how the use of any product or service will be paid by a client to a service provider. However, the definition of a charging model involves the execution of a series of processes so that is possible to identify the best parameters of the model for each provider. Therefore, it is necessary to clearly define the type of service that the provider adopts and the products you want to offer to the market. Moreover, it is necessary to verify the sales strategies adopted by the provider and the cost of operation. These difficulties were also found by PUCRS High Performance Laboratory (LAD-PUCRS). To facilitate this process, this paper presents a methodology to define and optimize charging models for providers of cloud computing. The method was applied in the LAD, which resulted in several improvements to the charging models used by the laboratory. Furthermore, the application of the methodology in this case study was evaluated and contributed to its improvement.
Atualmente, as nuvens computacionais são consideradas um novo conceito para o fornecimento de infraestrutura computacional. Neste ambiente, os clientes acessam e utilizam software, plataforma ou infraestrutura como serviços, sendo cobrados por seu uso. Há dificuldades entre os provedores em definir um modelo de cobrança para esse ambiente por envolver a execução de uma série de processos na identificação dos melhores parâmetros, considerando requisitos específicos dos modelos de serviços, da infraestrutura disponível, dos produtos ofertados e dos clientes, e também, das estratégias de venda e do custo de operação por parte do provedor. Uma metodologia para definição de modelos de cobrança foi elaborada em função do problema descrito mediante a revisão da literatura e de práticas reconhecidas de cobrança. Foram construídos oito formulários, abarcando os processos da metodologia e submetidos aos responsáveis pelo Laboratório de Alto Desempenho da PUCRS, conforme os procedimentos de estudo de caso único. Pela metodologia são sugeridos novos parâmetros para os modelos de cobrança bem como indicação de um novo produto: armazenamento além, das já existentes, VM’s 24x7 e cluster. A metodologia aplicada refere-se a um caso único, porém, permite seu uso extensivo a outros casos, inclusive, para sua validação.
URI: http://hdl.handle.net/10923/7380
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000470415-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo1,99 MBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.