Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/7561
Tipo: masterThesis
Título: Comunicação interna, diferenciação, integração e fragmentação na cultura organizacional em uma instituição particular de ensino superior
Autor(es): Tegoni, Andréia Cristina
Orientador: Schröeder, Christine da Silva
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Administração e Negócios
Data de Publicação: 2015
Palavras-chave: INSTITUIÇÕES DE ENSINO SUPERIOR
ADMINISTRAÇÃO UNIVERSITÁRIA - BRASIL
CULTURA ORGANIZACIONAL
COMUNICAÇÃO NA EMPRESA
Resumo: The university Brazilian scene has undergone significant changes in recent times, especially in the private higher education. Note that in addition to the expansion of private institutions, the system is organized in a very professional manner, focused on the market and looking for short-term results. In this sense, it is assumed that the communication processes are important for the management of educational processes, especially internal communication processes. However, when talking about internal organizational communication, the analysis can be applied to a level considered even more comprehensive, the organizational culture. Studies of organizational culture are conducted, according to Martin (2001), considering three perspectives: integration, differentiation and fragmentation. These perspectives are differentiated mainly by the degree of consensus among the members of the organization about the cultural events. This implies that even before an internal communication to adopt "uniform" procedures, the degree of consensus of individuals and groups about cultural events (largely due to the communication processes) shows variations among themselves. This study aimed to analyze the three perspectives of differentiation, integration and fragmentation are present in the manifestations of organizational culture of an institution of higher education, particularly from its internal communication. The research method adopted was the only case study with qualitative and exploratory approach. Data were collected from document analysis, semi-structured interviews and participant observation. The results achieved responded to the research problem and show that this study points out the manifestation of the triad of prospects for Martin (2001) occurring simultaneously, thus making the complex culture of IES. In this sense, the new studies addressing the organizational culture is suggested, using other theoretical models, as well as the replication of this study in other higher education institutions or a comparative study between two or more institutions.
O cenário brasileiro universitário passou por transformações significativas nos últimos tempos, principalmente no ensino superior privado. Nota-se que além da expansão das instituições privadas, o sistema está organizado de forma bastante profissional, focado no mercado e buscando resultados de curto prazo. Neste sentido, supõe-se que os processos comunicacionais adquirem importância para a gestão dos processos educacionais, principalmente os processos comunicacionais internos. Entretanto, ao se falar em comunicação organizacional interna, a análise pode ser transposta para um nível considerado ainda mais abrangente, o da cultura organizacional. Os estudos sobre cultura organizacional são conduzidos, segundo Martin (2001), considerando-se três perspectivas: a integração, a diferenciação e a fragmentação. Essas perspectivas são diferenciadas, principalmente, pelo grau de consenso existente entre os membros da organização acerca das manifestações culturais. Isto implica dizer que, mesmo diante de uma comunicação interna que adote procedimentos “uniformes”, o grau de consenso dos indivíduos e grupos acerca das manifestações culturais (em grande parte decorrente dos processos comunicacionais) apresenta variações entre si. Este estudo teve como objetivo analisar como as três perspectivas de diferenciação, integração e fragmentação se fazem presentes nas manifestações da cultura organizacional de uma Instituição de Ensino Superior, particularmente a partir de sua comunicação interna.O método de pesquisa adotado foi o estudo de caso único com abordagem qualitativa e exploratória. Os dados foram coletados a partir de análise documental, entrevistas semiestruturadas e observação participante. Os resultados alcançados responderam ao problema de pesquisa e demonstram que, esse estudo aponta a manifestação da tríade das perspectivas de Martin (2001) ocorrendo simultaneamente, tornando assim a cultura da IES complexa. Neste sentido, sugere-se a realização de novos estudos abordando a cultura organizacional, utilizando outros modelos teóricos, bem como, a replicação desse estudo em outras Instituições de Ensino Superior ou ainda um estudo comparativo entre duas ou mais instituições.
URI: http://hdl.handle.net/10923/7561
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000474630-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo819,74 kBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.