Por favor, use este identificador para citar o enlazar este ítem: http://hdl.handle.net/10923/7740
Tipo: doctoralThesis
Título: A relação entre compreensão leitora, conhecimento e integração léxico-semântica
Autor(es): Sousa, Lucilene Bender de
Orientador: Scherer, Lilian Cristine
Editor: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Letras
Fecha de Publicación: 2015
Palabras clave: LINGUÍSTICA
LEITURA - COMPREENSÃO
APRENDIZAGEM
PSICOLINGUÍSTICA
LEITURA
Resumen: Reading is one of the main ways of acquiring knowledge. Initially, children learn to read and then they read to learn, for this reason literacy is one of the central goals of formal education. However, it is acknowledgeable that a lot of students have serious reading problems at the end of Elementary School. National research has concentrated efforts in investigating literacy problems, but little research has been dedicated to the study of reading comprehension difficulties. Towards this need, this thesis aims at investigating the relationship between reading comprehension, lexical-semantic knowledge and integration in students from public schools at the end of the Elementary education. Although some students still have problems with word reading at the last year of school, their major challenge is text comprehension, since it interferes with performance in all school subjects. But why do not some readers, despite their good decoding skill, understand what they read? Research points to the possibility of a lexical-semantic deficit in poor comprehenders (NATION; SNOWLING, 1998; PERFETTI; HART, 2002). Based on this assumption, three studies were conducted: Study A inquired into the depth of vocabulary knowledge, implicit semantic memory and lexical-semantic processing skill of good and poor comprehenders; study B examined the group’s performance in two tasks requiring lexical-semantic integration; and study C investigated whether poor comprehenders provide better response to comprehension questions when they are preceded by a glossary and a lexical-semantic integration task. The results confirmed the lexical-semantic deficit hypothesis since the depth of vocabulary knowledge as well as the ability of word-to-text integration were significantly inferior in poor comprehenders as compared to good ones. Nevertheless, the results did not corroborate implicit memory differences as both groups benefited from lexical-semantic integration task followed by a glossary, as well as from a global integration task before answering comprehension questions; they exhibited better comprehension in these tasks when compared to a control one. This thesis contributes to reading comprehension difficulties research, especially in Brazil, where this study field is still underdeveloped. Moreover, it urges the discussion on possible pedagogical interventions, serving as a reference for teachers that seek to understand their students’ reading comprehension difficulties and help them.
A leitura é uma das principais formas de aquisição do conhecimento. Inicialmente a criança aprende a ler e depois lê para aprender, por isso o ensino da leitura é um dos objetivos centrais da educação formal. Entretanto, sabe-se que muitos estudantes chegam ao final do Ensino Fundamental com sérias dificuldades em leitura. As pesquisas nacionais têm concentrado esforços na investigação dos problemas de alfabetização, porém, poucas têm se dedicado ao estudo das dificuldades de compreensão leitora. Diante dessa carência, esta tese busca investigar a relação entre compreensão leitora, conhecimento e integração léxico-semântica em leitores do último ano do Ensino Fundamental de escolas públicas. Apesar de alguns estudantes ainda apresentarem problemas na leitura de palavras nos anos escolares finais, sabe-se que para a maioria a compreensão textual é o grande desafio, uma vez que interfere no desempenho de todas as disciplinas escolares. Mas por que alguns leitores, embora decodifiquem bem, não compreendem o que leem? Pesquisas apontam para a possibilidade de existência de déficit léxico-semântico em leitores com dificuldades de compreensão (NATION; SNOWLING, 1998; PERFETTI; HART, 2002). Para investigar essa questão, três estudos foram realizados: o Estudo A averiguou a profundidade do conhecimento de vocabulário, memória semântica implícita e habilidade de processamento léxico-semântico em bons leitores e leitores com dificuldades de compreensão; o Estudo B examinou o desempenho dos dois grupos em duas tarefas de integração léxico-semântica; e o Estudo C investigou se os leitores com dificuldades de compreensão respondem melhor a questões de compreensão leitora quando essas são antecedidas de glossário e tarefa de integração léxicosemântica. Os resultados confirmaram a hipótese de déficit léxico-semântico ao revelarem que tanto a profundidade do conhecimento do vocabulário quanto a habilidade de processamento e integração léxico-semântica foram significativamente inferiores em leitores com dificuldades de compreensão. No entanto, não corroboraram a existência de diferenças na memória semântica implícita, uma vez que ambos os grupos exibiram efeito de priming semântico. Os leitores com dificuldades de compreensão se beneficiaram da realização de tarefas de integração léxico-semântica acompanhada de glossário, bem como de integração global antes de responderem a questões de compreensão, exibindo maior percentual de acertos nessas condições quando comparadas a uma tarefa controle. Esta tese contribui para a pesquisa das dificuldades de compreensão em leitura, especialmente no Brasil, onde essa área de estudo ainda é pouco desenvolvida. Além disso, incita uma discussão de possíveis caminhos de intervenção pedagógica, servindo de fonte de consulta para docentes que buscam entender as dificuldades de compreensão leitora de seus alunos e auxiliá-los a superá-las.
URI: http://hdl.handle.net/10923/7740
Aparece en las colecciones:Dissertação e Tese

Ficheros en este ítem:
Fichero Descripción TamañoFormato 
000476674-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo4,16 MBAdobe PDFAbrir
Ver


Todos los ítems en el Repositorio de la PUCRS están protegidos por derechos de autor, con todos los derechos reservados, y están bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial 4.0 Internacional. Sepa más.