Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10923/8342
Type: doctoralThesis
Title: Políticas de permanência de estudantes na educação superior: em exame as universidades comunitárias catarinenses
Author(s): Voos, Jordelina Beatriz Anacleto
Advisor: Morosini, Marília Costa
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Graduate Program: Programa de Pós-Graduação em Educação
Issue Date: 2016
Keywords: EVASÃO UNIVERSITÁRIA
POLÍTICA EDUCACIONAL
UNIVERSIDADES COMUNITÁRIAS - BRASIL
ENSINO SUPERIOR
EDUCAÇÃO
Abstract: The thesis present is situated in the field of education, specifically, it relates to higher education undergraduate and political of education. The pertinence of the research is also coated, scientific and socially, of relevance through the lack of information, or publicly available information, in the system Santa Catarina. It was considered also that undergraduate education has demonstrated great importance in the Brazilian context and Santa Catarina, materialized in government policies regarding the financing, expansion and inclusion. However, according to the census of higher education, the so-called phenomenon of evasion and or abandonment of the students is a problem for the institutions of higher education. Unlike the Brazilian context, in the international context there are specific institutional policies for the management of the abandonment and of the permanence of students, especially in the North American and European continent, given the large volume of research socialized in IIª and IIIª Latin American Conference on Abandonment in Higher education as well as the relevant theoretical framework of publication, according to the criteria of reliability of sources and representativeness of official bodies in the production and dissemination of data. The research is characterized as a documentary research, and the backcloth of the survey are the documents produced by 10 community universities, of Santa Catarina, affiliates to the Santa Catarina Association of Educational Foundations and by area researchers, with regard to the problem of the policies of permanence of the student in undergraduate courses. The techniques for data collection were those pertaining to the methodology: selection of documents with key informants, analysis, interpretation and contextualization of data. In light of the above, in the horizon of the interpretive paradigm, searching for coherence the methodological approach three basic assumptions, as initial categories were chosen to anchor the process, serving as wires conductors for the formation of the theoretical framework, for the tessitura analysis and interpretation of data, were configured three dimensions: organizational models, training and social quality and polices assistance to students. The dimensions, by evidence emerged the analysis categories. So, the relationships between the state of knowledge and the empiricism, became, possible to describe the results. It was found that, despite the efforts of managers of universities studied, the planning and the execution of actions to respond to the pressures of the demands in compliance with the regulatory mark; the emphasis on assistance to the students, caused the distance between the formulation base and policy delivery base focused on retention of students in undergraduate courses. In this sense, it is evident the need of creating another agenda for community universities, reshaping the institutional actions of ACAFE system of. And in accordance with the commitment of researcher, to the know and reveal the reality, build an intelligibility framework that can, in the context of higher education policies contribute, although in a limited way, for the production of knowledge about a subject that produces a reflective effect, recreating, renewing or provocative of continuity, it presents indicative for the construction of permanency policy of undergraduate students of the community universities of the Santa Catarina affiliated to ACAFE.
A tese que se apresenta situa-se no campo da educação, especificamente, ao que se refere ao ensino superior de graduação e às políticas em educação. A pertinência da investigação é também revestida, cientifica e socialmente, de relevância pela ausência de informações, ou de informações acessíveis, no sistema catarinense de educação superior. Considerou-se, ainda, que o ensino de graduação tem se mostrado de grande importância, no contexto brasileiro e catarinense, materializado nas políticas governamentais, no que tange ao financiamento, à expansão e à inclusão. Entretanto, de acordo com os censos da educação superior, o fenômeno denominado de evasão e ou de abandono dos estudantes constitui um problema para as Instituições de ensino superior. Ao contrário do contexto brasileiro, no contexto internacional há políticas institucionais específicas para a gestão do abandono e da permanência de estudantes, especialmente no continente norte americano e europeu, haja vista o grande volume de pesquisas socializadas na IIª e IIIª Conferência Latinoamericana sobre o Abandono no Ensino Superior, bem como a publicação de referencial teórico pertinente, segundo os critérios de confiabilidade das fontes e de representatividade dos órgãos oficiais na produção e divulgação de dados.A investigação caracteriza-se como uma pesquisa documental, tendo como pano de fundo o levantamento de documentos produzidos por 10 universidades comunitárias, catarinenses, filiadas à Associação Catarinense das Fundações Educacionais e pelos pesquisadores da área, com relação à problemática, sobre as políticas de permanência dos estudantes nos cursos de graduação. As técnicas para coleta de dados foram àquelas pertinentes à metodologia: seleção de documentos com informantes-chave, análise, interpretação e contextualização dos dados. À luz do exposto, no horizonte do paradigma interpretativo, buscando-se coerência à abordagem metodológica declarada, três pressupostos básicos, como categorias iniciais, foram eleitos para ancorar o processo, servindo de fios condutores, para a constituição do quadro teórico, para a tessitura da análise e da interpretação dos dados, configurando-se três dimensões: modelos organizacionais, formação e qualidade social e políticas de atendimento aos discentes. Das dimensões, pelas evidências, emergiram as categorias de análise. Estabelecendo-se, então, as relações possíveis entre o estado de conhecimento e a empiria, tornou-se possível descrever os resultados. Constatou-se que, apesar dos esforços dos gestores, das IES pesquisadas, o planejamento e execução de ações para responder às pressões das demandas em atendimento aos marcos regulatórios; a ênfase nas necessidades assistenciais dos estudantes, tem provocado o distanciamento entre a base de formulação e a base de execução de políticas voltadas à permanência dos estudantes nos cursos de graduação. Nesse sentido, ficou evidente a necessidade de constituição de outra agenda para as universidades comunitárias, redimensionando as ações institucionais do sistema ACAFE. E, em conformidade com compromisso de pesquisadora de, ao conhecer e revelar a realidade, construir um referencial de inteligibilidade que possa, no contexto das políticas de ensino superior contribuir, embora de modo limitado, para a produção de conhecimento sobre uma temática que produza um efeito reflexivo, recriador, renovador ou provocador de sua continuidade, apresenta-se indicativos para a construção de uma política de permanência dos estudantes de graduação das as IES comunitárias catarinenses, filiadas à ACAFE.
URI: http://hdl.handle.net/10923/8342
Appears in Collections:Dissertação e Tese

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
000478788-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo2,13 MBAdobe PDFOpen
View


All Items in PUCRS Repository are protected by copyright, with all rights reserved, and are licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License. Read more.