Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/9637
Tipo: doctoralThesis
Título: Integração entre cultura científica e cultura artística no ensino de ciências
Autor(es): Flores, José Francisco
Orientador: Rocha Filho, João Bernardes da
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências e Matemática
Data de Publicação: 2016
Palavras-chave: TRANSDISCIPLINARIDADE
CIÊNCIAS - ENSINO
PROFESSORES - FORMAÇÃO PROFISSIONAL
EDUCAÇÃO
Resumo: Neste trabalho defendemos a tese de que a integração entre as culturas científica e artística pode proporcionar a professores e alunos o desenvolvimento de potenciais criativos, ampliando a autoestima e as compreensões de si mesmos, comprometidos com a constituição de uma sociedade solidária e um mundo sustentável. Realizamos análises de materiais produzidos por professores de Anos Iniciais em Ensino de Ciências, em um curso de Licenciatura, modalidade a distância. Também visitamos escolas da rede pública e privada do Rio Grande do Sul, realizando observações e registros fotográficos, elaborando um diário de campo, conversando e entrevistando professores de ciências da natureza em nível de Ensino Médio. Constatamos que a formação de professores de ciências não tem sido eficaz na superação do modelo de ensino, ainda vigente nas escolas de modo geral, apoiado em práticas pedagógicas centralistas, transmissivas e individualistas. Nossos estudos apontaram que os aportes teóricos da transdisciplinaridade, fundamentados na fenomenologia e na hermenêutica, associados à investigação como princípio de aprendizagem, são caminhos que incentivam a formação de pessoas criativas, que aprendem a ser autoras de sua história, realizam experiências de conhecimento e contribuem para a construção de uma sociedade mais justa. A investigação como princípio evidenciou-se capaz de promover integração entre práticas científicas e artísticas para aprendizagens em ciências da natureza. Em relação ao desenvolvimento dos potenciais criativos, as proposições de Fayga Ostrower foram-nos valiosas. Para os fundamentos da transdisciplinaridade, encontramos sustentação em Basarab Nicolescu, João Bernardes da Rocha Filho e Ubiratan D'Ambrósio.Para os estudos filosóficos sobre fenomenologia os teóricos foram Edmund Husserl, Maurice Merleau-Ponty, Marilena Chauí, André Dartigues, dentre outros. Ainda na filosofia, as proposições sobre o Princípio da Coerência, do filósofo Eduardo Luft, foram-nos fundamentais. Em Hans Georg Gadamer, encontramos apoio teórico para a hermenêutica. Para a pesquisa como princípio de aprendizagem os autores que nos auxiliaram foram Pedro Demo, Fernando Hernández e Francisco Imbernón. Como elemento integrador das questões teóricas, encontramos em Hanna Arendt reflexões sobre a distinção entre conhecimento e pensamento. As manifestações dos professores dos Anos Iniciais foram submetidas à Análise Textual Discursiva, proposta por Roque Moraes e Maria do Carmo Galiazzi. A metodologia Interpretação Essencial Sintética, proposta por Geisa da Silva Medeiros e João Bernardes da Rocha Filho, nos auxiliou nas análises das observações e entrevistas realizadas com os professores do Ensino Médio. Os resultados indicam que aos professores dos Anos Iniciais deve-se incentivar o aprofundamento em estudos relacionados à área de ciências da natureza a partir dos princípios da investigação, pois além de ampliarem suas próprias capacidades interpretativas da realidade poderão promover, junto a seus alunos, atividades mais criativas e envolventes. Tanto nos Anos Iniciais quanto no Ensino Médio foi possível verificar que, ao produzir conhecimentos sobre sua profissão o professor abre-se para a ação criadora, permitindo-se inventar uma nova realidade, incentivando o aluno a valorizar e ampliar suas potencialidades e auxiliando-o a desenvolver o próprio pensamento.
This work supports the thesis that the integration between scientific and artistic cultures can provide teachers and students to develop creative potential, increasing self-esteem and understanding of themselves, committed to the establishment of a harmonious society and a sustainable world. We perform analyzes of materials produced by teachers of Early Years in Science Teaching, on a Bachelor's Degree, the distance mode. We also visited schools in the public and private network of Rio Grande do Sul, conducting observations, photographic records, diary, conversations and interviews with teachers of natural sciences in high school level. We found that the training of science teachers has not been effective in overcoming the educational model, still in force in the general schools, supported by centralist, broadcasting and individualistic pedagogical practices. Our studies showed that the theoretical framework of transdisciplinarity, based on phenomenology and hermeneutics, associated with research as a principle of learning are ways that encourage the formation of creative people, who learn to be authors of their history, conduct knowledge of experiences and contribute to build a more just society. The investigation showed the principle is able to promote integration between scientific and artistic practices for learning in the natural sciences. Regarding the development of creative potential, the proposals were Fayga Ostrower us valuable. For the foundations of transdisciplinarity, we find support in Basarab Nicolescu, João Bernardes da Rocha Filho and Ubiratan D'Ambrosio. The philosophical contributions of phenomenology seek in Edmund Husserl, Maurice Merleau-Ponty, Marilena Chauí, André Dartigues, among others. Even in philosophy, propositions on the Coherence Principle, the philosopher Eduardo Luft, were on the key. In Hans-Georg Gadamer, we find theoretical support for hermeneutics.To research the principle of learning the authors who helped us were Pedro Demo, Fernando Hernandez and Francisco Imbernon. As an integrating element of the theoretical issues we find in Hannah Arendt's reflections on the distinction between knowledge and thought. Manifestations of the Early Years teachers underwent Textual Analysis Discourse proposed by Roque Moraes and Maria do Carmo Galiazzi. Interpretation Essential Synthetic methodology proposed by Geisa da Silva Medeiros and João Bernardes da Rocha Filho, helped in the analysis of the observations and interviews with teachers of high school. The results indicate that the teachers of the Early Years should be encouraged to deepen in studies related to the field of natural sciences from the principles of research, as well as expand their own interpretive skills of reality may develop, with his students, activities more creative and engaging. Both in the Early Years and in high school I found that by producing knowledge of his profession the teacher opens to the creative action, is allowed to invent a new reality, encourages students to enhance and expand its capabilities helping him to their thinking.
URI: http://hdl.handle.net/10923/9637
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000482484-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo1,74 MBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.