Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/12437
Tipo: masterThesis
Título: A identidade judaico brasileira, a partir de Porto Alegre, na iminência da fundação de Israel (1945-1950)
Autor(es): Rotta, Helen Rocha
Orientador: Fay, Cláudia Musa
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em História
Data de Publicação: 2018
Palavras-chave: JUDAÍSMO
IDENTIDADE CULTURAL
JUDEUS - RIO GRANDE DO SUL - HISTÓRIA
JUDEUS - HISTÓRIA
Resumo: A presença e formação da identidade judaica no Brasil é normalmente discutida sob o prisma de alguns grandes marcos basilares que dizem respeito ao grupo, como, por exemplo, o antissemitismo e seu desenvolvimento nas Américas. No entanto, existem outras perspectivas que atentam para elementos mais particulares e cotidianos, que dizem respeito principalmente às dinâmicas da vida comunitária dos judeus e judias e como elas se constituíram em solo brasileiro. Esta pesquisa se dedica a analisar essas outras possibilidades de compreender a formação da identidade judaica no Brasil no período de 1945 a 1950, levando em consideração a importância deste período devido ao fim dos regimes autoritários, tanto no Brasil como na Europa, os traumas revelados da Shoah e a criação do Estado de Israel. A partir da cidade de Porto Alegre – terceira maior capital em presença judaica no Brasil –, é possível notar que, ao se defrontarem com tantas mudanças que incidem diretamente no judaísmo, a identidade judaica na diáspora brasileira parece ter enfrentado longos debates e disputas internas, buscando uma reflexão tanto dos seus valores individuais como seus desdobramentos na coletividade do grupo. Estes elementos podem ser especialmente inferidos a partir de periódicos de circulação interna da comunidade judaica porto-alegrense, como no Hatikva, DROR - Organização Juvenil Sionista Socialista, Kol Hamagbit e no Almanaque Israelita - Grupo Betar.
The presence and formation of Jewish identity in Brazil is usually discussed under the point of view of some great basic landmarks about the group, such as anti-semitism and its development in Americas. However, there are other perspectives about specific and daily elements, which are mainly related to the dynamics of community life of the Jews and Jewish, and how they were on Brazilian land. This research aimed to analyze these other possibilities in order to understand the formation of Jewish identity in Brazil during the period from 1945 to 1950. Furthermore, it took into account the importance of this period due to the end of authoritarian regimes, both in Brazil and Europe, the revealed traumas of the Shoah and the creation of Israel State as a Jewish place. From Porto Alegre city – third largest capital in Jewish presence in Brazil – it is possible to note that the face with so many changes that focus directly on Judaism, the Jewish identity in the diaspora brazilian appears to have faced long debates and internal disputes, seeking a reflection about their individual values and its consequences in the common group. These elements can be especially inferred from internal circulation journals in the Jewish community in Porto Alegre, and in the Hatikva, DROR-Zionist Socialist Youth Organization, Hamagbit and Kol Israel Almanac-Group Betar.
URI: http://hdl.handle.net/10923/12437
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000489478-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo705,75 kBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.