Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/1518
Tipo: masterThesis
Título: Um modelo de processo de engenharia de requisitos para ambientes de desenvolvimento distribuído de software
Autor(es): Lopes, Leandro Teixeira
Orientador: Audy, Jorge Luis Nicolas
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Ciência da Computação
Data de Publicação: 2004
Palavras-chave: INFORMÁTICA
ENGENHARIA DE SOFTWARE
SISTEMAS DISTRIBUÍDOS
ENGENHARIA DE REQUISITOS
Resumo: A crescente globalização do ambiente de negócios tem afetado diretamente o mercado de desenvolvimento de software. Em busca de vantagens competitivas como baixos custos, produtividade e qualidade na área de desenvolvimento de sistemas, diversas organizações optaram por distribuir o processo de desenvolvimento de software dentro de seu país, ou em outros países, como Índia, China e Brasil. Entretanto, os desafios apresentados pela distribuição da equipe envolvida no processo de software são significativos. Nesse contexto, a engenharia de requisitos é uma atividade influenciada pela distribuição das equipes. O processo de requisitos, mesmo em ambientes co-localizados, é crítico no desenvolvimento de software. Ao lidar com a distância entre os envolvidos, as dificuldades com requisitos tendem a se exacerbar. Para tratar questões como dispersão geográfica, diferenças culturais e dificuldades de comunicação, torna-se necessária a definição de novos processos, padrões e ferramentas, de forma a reduzir o impacto da dispersão das equipes na engenharia de requisitos. Nesse sentido, esta dissertação de mestrado tem como objetivo propor um modelo de processo de engenharia de requisitos visando tratar questões relacionadas ao desenvolvimento distribuído de software. O principal método de pesquisa utilizado foi o estudo de caso e a base empírica da pesquisa envolve uma unidade de desenvolvimento de software de uma empresa multinacional de grande porte localizada no Brasil. A pesquisa contribui no sentido de propor um modelo de processo de engenharia de requisitos adequado à realidade de equipes dispersas.
Crescent globalization in business environments has affected the software development market. Aiming competitive advantages as low costs, high productivity and quality in systems development, several organizations decided to distribute their development process inside or outside their countries. However, team dispersion introduces several challenges to process development. In this context, requirements engineering is one activity highly influenced by team dispersion. Requirements process, even in co-located environments, is critical. When dealing with distance among stakeholders, requirements difficulties tends to be exacerbated. It is necessary new processes, patterns and tools to reduce the impact of team dispersion in requirements engineering and address geographical dispersion, cultural differences and communication difficulties, for instance. In this sense, the objective of this master thesis is to propose a requirements engineering process model that addresses questions related to distributed software development. The main research method used was case study, conducted in a software development unit of a multinational organization located in Brazil. This research contributes by proposing a requirements engineering process adequate to distributed teams.
URI: http://hdl.handle.net/10923/1518
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000384394-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo1,59 MBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.