Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/1935
Tipo: masterThesis
Título: Ensino superior no Brasil e inclusão social: uma experiência concreta
Autor(es): Lima, Osni Keller
Orientador: Müller, Lúcia Helena Alves
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais
Data de Publicação: 2009
Palavras-chave: EDUCAÇÃO - BRASIL
UNIVERSIDADE E SOCIEDADE
POLÍTICAS PÚBLICAS
POLÍTICA EDUCACIONAL
ENSINO SUPERIOR
INCLUSÃO ESCOLAR
INCLUSÃO SOCIAL
ESTUDANTES - ASPECTOS SÓCIO-ECONÔMICOS
Resumo: Partindo da constatação do expressivo crescimento no ingresso de alunos nas universidades brasileiras ocorrido nos últimos anos, sobretudo de indivíduos com baixo poder aquisitivo e pertencentes à chamada minorias sociais, o presente estudo investiga os significados que a busca pelo diploma universitário tem para esses estudantes. Ele inicia com uma breve retrospectiva do ensino superior brasileiro, ressaltando as principais políticas de inclusão nessa modalidade de educação, sobretudo as implementadas pelo atual governo. A partir desse panorama, a pesquisa enfoca uma instituição universitária situada em Porto Alegre, que tem sido um dos agentes dessas políticas. No âmbito dessa instituição, foram entrevistados alunos de dois cursos de graduação, um da área da saúde – Fisioterapia –, e outro da área da educação – Pedagogia. Através desse estudo, podem-se compreender alguns dos aspectos envolvidos na tomada de decisão, por parte dos estudantes, de realizar um curso superior. Entre eles, são abordados fatores preponderantes, como, por exemplo: a condição sócio-financeira, a trajetória familiar e o projeto individual. São apresentadas as circunstâncias em que cada grupo de estudantes ingressa na academia e as implicações advindas da escolha por determinada profissão. O texto trata, também, das aspirações dos estudantes frente ao curso escolhido e as expectativas quanto à formatura e à vida profissional. Percebe-se, entre outras coisas, que a semelhança entre os alunos no tocante ao projeto de formação superior não determina a existência de um único projeto e expectativa em relação ao diploma universitário.Dentre as conclusões, está a de que, no contingente de estudantes beneficiados pelas políticas de inclusão no (ou via) ensino superior, encontram-se indivíduos que chegam ao final do curso sentindo-se frustrados em suas expectativas e sem perspectiva de atuação em sua área de formação. Ressalta-se, portanto, a necessidade do aprofundamento na reflexão sobre o objetivo principal de tais políticas de inclusão e a importância da adoção de uma postura de avaliação permanente destes mecanismos.
From the verification of the expressive growth in the students´ entrance in Brazilian universities that happened in the last years, especially individuals with low purchasing power and belonging to the called social minorities, the present study investigates the meanings that this search for the academic diploma has for these students. It begins with a brief retrospective of the Brazilian higher education, emphasizing the main inclusion politics in that modality of education, especially all the implemented ones by the current government. From this program, the research focuses a university institution located in Porto Alegre that has been one of the agents of these politics. In this institutions were interviewed students of two graduation courses, one of the health area - Physiotherapy -, and another from the education area- Pedagogy. Through this study could be comprehended some aspects involved in the decision make, by the students, to take a superior course. Among them, preponderant factors are approached, as for instance: partner-financial condition, the family path and the individual project. Circumstances are presented when each group of students enters in the academy and the implications came from the choice for certain profession. The text is also, about the aspirations of the students facing the chosen course and the expectations related to the graduation and to the professional life. It is noticed, among other things, that the similarity among the students concerning the project of superior formation does not determine the existence of a single project and expectation in relation to the academic diploma.Among the conclusions it is the one that, in the students' contingent benefitted by the inclusion politics in the higher education, they are individuals that reach the end of the course being frustrated in their expectations and without perspective of performance in his/her formation area. It is stood out, therefore, the need of going deeper in the reflection on the main objective of such inclusion and the importance of the adoption of a posture on a permanent evaluation of these mechanisms.
URI: http://hdl.handle.net/10923/1935
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000418630-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo683,19 kBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.