Por favor, use este identificador para citar o enlazar este ítem: http://hdl.handle.net/10923/2103
Tipo: doctoralThesis
Título: Comunicação, meio ambiente e shopping center: poder e globalização
Autor(es): Zamberlan, Liége
Orientador: Ramos, Roberto José
Editor: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Comunicação Social
Fecha de Publicación: 2008
Palabras clave: COMUNICAÇÃO SOCIAL
GLOBALIZAÇÃO
ECOLOGIA
MEIO AMBIENTE
SHOPPING CENTERS
COMPLEXIDADE
Resumen: The representations of Nature, when evoked by the Means of Communication, look for decoding, in partnership with the several areas of performance, being infiltrated in daily life. The brasilian context, characterized for unbalanced social reality, people are putting out of joint, thought global and capitalist cast where perceive the ecosystem reconstitution, appropriate to daily activities fluency. Such observation is capable of being noticed in this study, structured from the dialogue Ecology / Environment / Shopping Center, trying to observe which way the messages, of ecological and environmental stamp, can be transmitted, in the space delimitation, configured in coexistence centers. Contemplating the Systemic or Organizational System, wel'll have for intance Iguatemi, in Porto Alegre, as all, the object, while its parts are suitable by the 24th and 26th editions, of the campaign "Cover the World in Green", in agreement with advertising cutting, published in printed vehicle, regarding Donna Fashion Iguatemi 2005. Still, integrating the corpus, we detached the first winter version, of the event of Fashion, above, marked, organized with base in the proposal Carbon Free, besides the campaign by Greenpeace, which alerted to the deforestation in the Amazon region. In order to explain the argumentation, favoring the sense production, in the verbal and no-verbal levels, we will count with the Paradigm of the Complexity, by Morin, signing the methodology, and with the Semiology, by Barthes, as methodological technique, in a Semiological Research, under social-political focus. The theoretical base, reveals the Communication, by Morin, through subcategories of Color, by Farina, Studium and Punctum, by Barthes, Name, by Cassirer, and Stereotype, of Barthes. The Power. Myth and Culture categories, by Barthes, and Knowledge, by Morin. also appear. Com base em tais pressupostos teórico-metodológicos, a Tese busca revelar, via Comunicação, de que maneira as mensagens sobre Ecologia e Meio Ambiente podem ser transmitidas no Shopping Iguatemi, de Porto Alegre, no qual se consolidam os diálogos sociais. Through these theorist and methodological purposes, the Thesis search to unveil, by Communication, how Ecology and Environment message can be transmit into commercial center, where consolidate social dialogues.
As representações da Natureza, ao serem evocadas pelos Meios de Comunicação, buscam decodificação, em parceria com as diversas áreas de atuação, infiltrando-se na cotidianidade. No contexto brasileiro, caracterizado por uma realidade social desequilibrada, as pessoas deslocam-se para o interior de estruturas comerciais, pensadas nos moldes globais e capitalistas, nas quais percebemos a reconstituição de um ecossistema, adequado à fluência das práticas diárias. A partir de então, tal observação é capaz de ser percebida neste estudo, estruturado a partir do diálogo Ecologia/Meio Ambiente/Shopping Center, procurando observar de que forma as mensagens, de cunho ecológico e ambiental, podem ser veiculadas na delimitação espacial, configurada em centros de convivência. Contemplando o Princípio Sistêmico ou Organizacional, tomaremos o Iguatemi, de Porto Alegre, como o todo do objeto, enquanto que as partes são indicadas pelas 24ª e 26ª edições da campanha Cubra o Mundo de Verde, em comunhão com recorte publicitário divulgado em meio impresso, referente ao Donna Fashion Iguatemi 2005. Ainda, integrando o corpus, destacamos a primeira versão de inverno do evento de Moda, acima, assinalado, organizado com base na proposta Carbon Free, além da campanha do Greenpeace, que alertou sobre o desmatamento na Amazônia. A fim de explicitarmos a discursividade, agraciando a produção de sentido, nos níveis verbal e não-verbal, contaremos com o Paradigma da Complexidade, de Morin, assinando a metodologia, e com a Semiologia, de Barthes, como técnica metodológica, numa Pesquisa Semiológica, sob enfoque sociopolítico. A fundamentação teórica, a priori, revela a Comunicação, de Morin, através das subcategorias Cor, de Farina, Studium e Punctum, de Barthes, Nome, de Cassirer, e Estereótipo, de Barthes. Aparecem, também, as categorias de Poder, Mito e Cultura, de Barthes, e Conhecimento, de Morin. Com base em tais pressupostos teórico-metodológicos, a Tese busca revelar, via Comunicação, como a mensagem sobre Ecologia e Meio Ambiente pode ser transmitida no centro comercial, no qual se consolidam os diálogos sociais.
URI: http://hdl.handle.net/10923/2103
Aparece en las colecciones:Dissertação e Tese

Ficheros en este ítem:
Fichero Descripción TamañoFormato 
000400734-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo13,23 MBAdobe PDFAbrir
Ver


Todos los ítems en el Repositorio de la PUCRS están protegidos por derechos de autor, con todos los derechos reservados, y están bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial 4.0 Internacional. Sepa más.