Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/2787
Tipo: masterThesis
Título: "Meninas são doces e calmas": um estudo sobre a produção de gênero através da cultura visual
Autor(es): Nunes, Luciana Borre
Orientador: Santos, Bettina Steren dos
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Educação
Data de Publicação: 2008
Palavras-chave: ESTUDOS CULTURAIS
SOCIOLOGIA EDUCACIONAL
RELAÇÕES DE GÊNERO
REPRESENTAÇÃO SOCIAL
IDENTIDADE CULTURAL
Resumo: O principal objetivo desta dissertação é verificar e problematizar a constituição de identidades femininas através da cultura visual, em contexto escolar, sob a luz dos Estudos Culturais em Educação numa perspectiva pós-estruturalista. O estudo aconteceu em uma escola da rede privada de ensino da zona norte de Porto Alegre, com uma turma de 3ª série do Ensino Fundamental, composta por vinte e cinco estudantes (idades entre 8 e 9 anos) e apresentou inquietações referentes às imagens que invadem o cenário escolar e que contribuem para a produção de subjetividades femininas. Para a operacionalização das análises, foram tomados por base os conceitos de: cultura visual, representação, gênero, discurso e identidade. As análises desenvolvidas apontam para três eixos: 1) Regulação dos comportamentos femininos; 2) Produção de desejos de consumo; e 3) Constituição de padrões de beleza física. Esses focos analíticos permitem argumentar que as crianças vivenciam um vasto repertório de imagens, consumidas através de mochilas, estojos, cadernos, brinquedos, tatuagens, filmes, revistas, jogos, álbum de figurinhas, personagens preferidos, revistas e roupas, que contribuem para a constituição do ser menina na contemporaneidade. Através da identificação das meninas com suas personagens preferidas (como Barbie, Moranguinho e princesas da Disney), elas acabam incorporando atitudes sociais que são ditas comuns às meninas, como docilidade, meiguice e recato. E ainda, as crianças apresentam seus desejos de compra determinados, muitas vezes, pelo arsenal de imagens veiculadas por propagandas e diversos tipos de programas televisivos.Isso caracteriza que as condições de consumo determinam os relacionamentos sociais entre os componentes da turma, pois esses evidenciam a necessidade de aquisição constante de produtos que têm destaque e significativa circulação entre eles. Por fim, as imagens, junto a outros artefatos culturais, constituem um imaginário de beleza física ideal e as meninas buscam isso constantemente, evidenciando a produção cultural do corpo feminino.
The main aim of this assignment is to check and sort out how the female identities are formed, through visual culture, in a school context, under the “Cultural studies in Education” in a post structuralist perspective. The study happened in a private school in the north zone of Porto Alegre with students from 3rd grade of Elementary school, made up of twenty-five students (between 8 and 9 years old) and it showed the anxieties referred to the images which invade the school environment and that contribute to the female subjectivity production. The concepts of: visual culture, representation, gender, speech and identity were used to base the analyses. The developed analyses aim to three axes, which are: 1) female behavior regulation 2) production of consumption desires and 3) building of physical beauty standard. These analytical angles allow arguing that children live in a wide repertoire of images which are gotten through backpacks, pencil cases, notebooks, toys, tattoos, movies, magazines, games, album stickers, favorite characters and clothes. All of them contribute to what a contemporary girl is. Through the girls identification with their favorite characters (like Barbie, Strawberry Shortcake and Disney Princesses) they incorporate social attitudes that are said to be common to girls such as: docility, sweetness and kindness. And also, children often show their desires for shopping due to the great deal of images on advertisements and on television programs.It shows that the social relationships are determined by the conditions of shopping as they show the need of constantly acquiring goods that are outstanding and meaningful among them. At last ,the images, with other cultural artefacts, are part of an imaginary of the ideal physical beauty and the girls constantly look for it, evidencing the female body cultural production.
URI: http://hdl.handle.net/10923/2787
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000410271-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo3,69 MBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.