Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/2811
Tipo: masterThesis
Título: O desenvolvimento moral das crianças na escola: a percepção da comunidade
Autor(es): Camargo, Liseane Silveira
Orientador: Santos, Bettina Steren dos
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Educação
Data de Publicação: 2007
Palavras-chave: EDUCAÇÃO
DESENVOLVIMENTO INFANTIL
ENSINO - ASPECTOS SOCIAIS
EDUCAÇÃO MORAL
PIAGET, JEAN - CRÍTICA E INTERPRETAÇÃO
Resumo: This study refers to childish moral development at school. The school is a social institution that works with learning development and within its functions is the children’s moral formation – function that permeates educative exertion. The moral development, supported by Piaget’s study, is promoted by social relationships involving rules, authority and respect. The research is based on the ways in which are established social relationship and respect between individuals. Piaget shows two moral types: heteronomous moral, based on unilateral respect, and autonomous moral, based on mutual respect. The moral development pretends a moral autonomy. For its reach they are necessary social and cognitive conditions that allow the individual to observe context as well as the too much existing points of view in the relation. It is investigated how the school’s representative (student, family, teacher, staff and directive equip) from Public School at Rio Grande do Sul, inserted in Porto Alegre city, perceive, in the function of the school, the development of the morality and how much they are self perceivers operating in this formation. It’s a qualitative investigation, realized through interview contents. The interviewed groups were analyzed about theirs perceptions, in three categories: school functions (within the moral development); institutions rules and ways to follow such rules; and their participation in children’s moral formation. The research looked for to investigate the similar perceptions of the interviewed groups as well as aspects brought for each groups and considered for the subject of the inquiry. Within important issues showed in this research are the feeling of pupils and employees with regards to their contribution of the children moral development at school and into argument’s respect forms found by adult integrants, which support their demands in “other’s” work. This research intends to be of assistance to the educative work, present at school, about moral formation and preserve future reflections on the subject.
Este estudo refere-se ao desenvolvimento da moralidade infantil na instituição escolar. A escola é uma instituição social e que trabalha com o desenvolvimento da aprendizagem. Entre as suas funções está a formação moral das crianças – função que permeia o trabalho educativo. O desenvolvimento moral, com base nos estudos de Jean Piaget, é oportunizado através das relações sociais que envolvem regras, autoridade e respeito. O estudo apóia-se na forma como são estabelecidas as relações sociais e o respeito entre os envolvidos na relação. Piaget apresenta dois tipos de moral: a moral heterônoma, baseada no respeito unilateral, e a moral autônoma, baseada no respeito mútuo. O desenvolvimento da moralidade visa a autonomia moral, como uma meta. Para o seu alcance são necessárias condições sociais e cognitivas que permitam ao indivíduo observar o contexto e os demais pontos de vista existentes nas relações. Esta pesquisa buscou investigar como representantes da comunidade escolar (aluno, família, professor, funcionário e equipe diretiva) de uma instituição escolar da rede estadual do Rio Grande do Sul, do município de Porto Alegre, percebem, nas funções da escola, o desenvolvimento da moralidade e o quanto se percebem atuantes nesta formação. É uma pesquisa qualitativa, feita através da análise de conteúdo de entrevistas. Os grupos entrevistados foram analisados através de suas percepções, em três categorias de análise: quanto às funções da escola, entre elas o desenvolvimento moral; quanto às regras da instituição e às formas de estabelecer respeito com elas; e quanto à participação na formação moral das crianças.A pesquisa procurou identificar as semelhanças nas percepções dos grupos entrevistados, como, também, aspectos trazidos por cada grupos e considerados relevantes para o tema da investigação. Entre as considerações mais relevantes desta pesquisa estão o sentimento dos grupos de alunos e funcionários com relação à participação no desenvolvimento moral das crianças dentro da instituição e à forma de argumentar de alguns integrantes dos grupos formados por adultos, que apoiaram suas reivindicações no trabalho do “outro”. Esta pesquisa pretende auxiliar no trabalho educativo exercido na escola com relação à formação moral e trazer fundamentos para futuras reflexões sobre o assunto.
URI: http://hdl.handle.net/10923/2811
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000386389-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo1,57 MBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.