Por favor, use este identificador para citar o enlazar este ítem: http://hdl.handle.net/10923/2969
Tipo: masterThesis
Título: Dificuldades encontradas na aplicação dos referenciais curriculares por professores de física de uma escola pública de Porto Alegre: uma análise fenomenológica
Autor(es): Schier, Adriana Otaki
Orientador: Rocha Filho, João Bernardes da
Editor: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências e Matemática
Fecha de Publicación: 2011
Palabras clave: EDUCAÇÃO
FÍSICA - ENSINO MÉDIO
LEI DE DIRETRIZES E BASES DA EDUCAÇÃO NACIONAL
APRENDIZAGEM - ESTRATÉGIAS
CURRÍCULO - ENSINO MÉDIO
ENSINO - METODOLOGIA
Resumen: Esta dissertação apresenta uma pesquisa que visou avaliar a aplicação das recomendações dos documentos oficiais da educação, especificamente os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN), as Orientações Curriculares Nacionais e as Recomendações Curriculares do Estado do Rio Grande do Sul, em uma escola pública da rede estadual de ensino médio do município de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, na disciplina de Física. A dissertação destaca tópicos críticos das recomendações dos documentos oficiais como, por exemplo: a contextualização, a experimentação e a autonomia. A pesquisa foi caracterizada como sendo qualitativa, aplicada, de caráter descritivo e compreensivo, baseada em um estudo de caso centrado na observação fenomenológica das aulas de quatro professores da escola escolhida. A pesquisadora observou um total de 16 aulas, sendo possível concluir que há uma relação importante entre o grau de aplicação das recomendações dos documentos oficiais e a qualidade do aprendizado dos alunos. Aulas oferecidas por professores que seguem estas recomendações parecem fomentar maior interesse dos alunos em aprender Física, e em suas aulas existem momentos de trocas de ideias, questionamentos e efetiva vontade de aprender, que se depreende das atitudes dos alunos. Aulas nas quais os professores seguiram métodos expositivos tradicionais, caracterizadas por fraca concordância com as recomendações dos documentos oficiais, foram caracterizadas ou por apatia dos estudantes, ou por agitação generalizada. Nessas aulas a interação dos alunos com os professores e com o conteúdo se manteve sempre baixa, e comentários entre os estudantes poderiam indicar a ideia de que eles entendiam que deveriam decorar o tópico apresentado na aula, e que tinham medo de fazer perguntas.Dessa forma, a pesquisa concluiu que a aplicação das recomendações dos documentos oficiais é baixa na amostra utilizada, apesar dos benefícios evidentes que traz à educação em Física dos estudantes. A decisão de implementar ou não as recomendações dos documentos oficiais é do professor, no entanto esta parece não ser uma ação simples, pois exige dedicação, tempo de preparação e, aparentemente, certas habilidades de comunicação e de experimentação que a maioria dos professores que tiveram suas aulas observadas nesta pesquisa parecem não possuir. Em termos da organização escolar e dos sistemas de ensino seria desejável, e provavelmente seria possível com acréscimo de recursos, planejar atividades de formação permanente dos professores, instrumentalizando-os para atividades docentes mais alinhadas às recomendações dos documentos oficiais. Trata-se de uma decisão política, antes de tudo.
This study presents a research which aimed to evaluate the application of the official documents of education – more specifically the National Curricular Parameters (NCP), the National Curricular Orientations and the Curricular Recommendations of Rio Grande do Sul – at a state public high school in Porto Alegre, Rio Grande do Sul, in the subject of Physics. The work points out critical topics of the official documents recommendations, such as the contextualization, experimentation and autonomy. The research was characterized as being qualitative approach applied in descriptive and comprehensive view. It based on a case study in the phenomenological observation of the classes performed by four teachers at the chosen school. The researcher observed a total of 16 classes – then being able to conclude that there’s an important relation between the rate in which the official documents recommendations are applied and the quality of learning by the students. The classes given by teachers who follow these recommendations seem to better feed the students’ interest to learning Physics – since in their classes there are moments in which there’s exchange of ideas, discussing and effective inferred by the behavior of the students. The classes in which the teachers followed traditional expositive methods, featured by weak conformity with the oficial documents recommendations, were marked by either apathy of the students or general disorder.In those classes, there was low interaction between the students and teachers/content, and comments among the students indicated that they understood they would have to memorize the current topic and that they were afraid of asking questions. Therefore, the research concluded that the application of the documents recommendations is low in the sample used, despite bringing clear benefits to students’ education in Physics. The decision of implementing these official documents recommendations or not is up to the teacher; however, this doesn’t seem to be a simple task, for it demands dedication, preparation time and apparently certain experimentation and communication skills – something which most teachers who had their classes observed don’t seem to have. In terms of education organization and systems it would be desirable – and most likely doable with increased resources – to plan in-service teachers trainning, preparing them to teach tasks much more aligned with the official documents recommendations. To above all, it is a political decision.
URI: http://hdl.handle.net/10923/2969
Aparece en las colecciones:Dissertação e Tese

Ficheros en este ítem:
Fichero Descripción TamañoFormato 
000439543-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo3,66 MBAdobe PDFAbrir
Ver


Todos los ítems en el Repositorio de la PUCRS están protegidos por derechos de autor, con todos los derechos reservados, y están bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial 4.0 Internacional. Sepa más.