Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10923/3682
Type: doctoralThesis
Title: Envelhecimento bem-sucedido: uma metodologia de cuidado a pessoas com diabetes Mellitus
Author(s): Waldman, Beatriz Ferreira
Advisor: Souza, Valdemarina Bidone de Azevedo e
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Graduate Program: Programa de Pós-Graduação em Gerontologia Biomédica
Issue Date: 2006
Keywords: MEDICINA
GERIATRIA
GERONTOLOGIA
SAÚDE DO IDOSO
EDUCAÇÃO E SAÚDE
ENVELHECIMENTO
DIABETES MELLITUS
CUIDADORES
Abstract: O estudo inseriu a interlocução da área de Educação em Saúde com a de Gerontologia como alvo de nosso olhar e focalizou a questão da experiência de vida de idosos com Diabetes Mellitus tipo 2 e seus cuidadores. Teve como objetivo elencar pontos de referência da Educação em Saúde para uma metodologia de cuidado ao idoso com diabetes em nível ambulatorial. Partiu-se da premissa que o idoso com diabetes pode ter um envelhecimento bem-sucedido. Isso não significa necessariamente viver por mais anos. Significa, sim, viver o processo de envelhecimento com qualidade e dignidade mesmo diante das limitações impostas pela doença. Nesse sentido, foi fundamental planejar estratégias educativas com a participação de idosos e seus cuidadores com a finalidade de melhorar o controle da doença, a fim de possibilitar à pessoa idosa realmente viver melhor e, não necessariamente, viver mais. Atualmente, a assistência ambulatorial nos serviços de saúde ainda se pauta em abordagens individualizadas e prescritivas no tratamento dos idosos, desconsiderando a participação potencial de cuidadores familiares. As complicações tardias do diabetes tipo 2 podem comprometer o processo natural de envelhecimento, repercutindo de forma negativa na qualidade de vida do idoso. Essas podem ser evitadas se o cuidador familiar estiver capacitado para gerenciar no domicílio as dificuldades inerentes à situação de cronicidade do idoso. A perspectiva de longevidade da população torna esse fato relevante. Na realização da pesquisa tomou-se como referencial teórico o processo de Educação em Saúde com base na ação educativa dialógica, oportunizando as relações entre sujeitos. Optou-se pela pesquisa convergente-assistencial, de caráter qualitativo, observando uma abordagem dialética.Foram aplicadas estratégias educativas participativas com um grupo de idosos e seus cuidadores cujos resultados desvelaram a dinamicidade do fenômeno diabetes em suas vidas, capturaram as relações históricas dos sujeitos, identificaram as contradições no contexto do setor saúde e mostraram a visão de totalidade e de realidade concreta entendidas pelos sujeitos. A partir dos encontros do grupo e com base no referencial teórico construído foi possível elencar elementos constitutivos essenciais da Educação em Saúde para uma metodologia de cuidado de idosos com Diabetes Mellitus, visando intervir na realidade.
This study joined the interlocution of Health Education and Gerontology areas as our main goal and it focused on the issue of life experience of elders with Diabetes Mellitus type 2 and their caregivers. This aims to enlist points of reference of Health Education for a methodology of care to the elder with Diabetes in ambulatory service, from the supposition that the elder with Diabetes may go though a successful aging process. Though, this does not mean necessarily living longer. It means, living the aging process with quality and dignity even though facing limitations imposed by the disease. In this sense, it was crucial to establish educative strategies with the participation of elders and their caregivers, in order to improve the control of the disease, making possible for the elders to really live better, but not necessarily live longer. Nowadays, ambulatory assistance in the health services is still based on the individual and prescriptive approaches during the treatment of elders, ignoring the potential participation of caregivers from the family. Later complications of Diabetes type 2 may damage the natural aging process, having negative effects on the elder’s life quality. They can be avoided if the caregiver from the family is capable to manage at home the typical difficulties resulting from the chronic state of the elder. The longevity perspective of the population makes this fact relevant. During this research it was used as a theoretical reference the process of Health Education, based on a dialogic educative action, making the relationship between the subjects better. The option made was for the convergent-assistant research, of a qualitative character, following a dialectic approach.Participative education strategies used with a group of elders and their caregivers showed results which revealed the dynamic aspect of Diabetes Mellitus phenomenon in their lives, captured the historical relation of the subjects, identified the contradictions in the context of the health sector and, showed the general view and the concrete reality of the subjects. From the group’s meetings and based on the theoretical referential formulated it was possible to list essential constitutive elements of Health Education for a methodology to care about elders with Diabetes Mellitus, aiming at interfering in their reality.
URI: http://hdl.handle.net/10923/3682
Appears in Collections:Dissertação e Tese

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
000399925-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo12,02 MBAdobe PDFOpen
View


All Items in PUCRS Repository are protected by copyright, with all rights reserved, and are licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License. Read more.