Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/4139
Tipo: masterThesis
Título: A redução vocálica em palavras funcionais produzidas por falantes brasileiros de inglês como língua estrangeira
Autor(es): Fragozo, Carina Silva
Orientador: Brescancini, Cláudia Regina
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Letras
Data de Publicação: 2010
Palavras-chave: LINGUÍSTICA
AQUISIÇÃO DA SEGUNDA LÍNGUA
INGLÊS - FONOLOGIA
INGLÊS - VOGAIS
Resumo: This research aims at analyzing the process of vowel reduction in function words by speakers of English as a Foreign Language (FL). This work has as a starting point the researches by Watkins (2001), who analyzed vowel reduction by speakers of English as a FL, and Marusso (2003), who investigated vowel reduction by native speakers of Portuguese and English. Based on these researches, this work considers both linguistic and extralinguistic factors that might influence the process of vowel reduction in function words, in the light of the interface between Sociolinguistics and Foreign Language Acquisition. In addition, this study intends to promote a reflection on the comparison between information obtained by perceptual verification and those obtained by acoustic verification. The sample is composed by sixteen female speakers of English as a FL, which were divided into four groups: intermediate speakers, advanced speakers, teachers of English courses and professors of the undergraduate course of Letras (English and Portuguese/English). Data collection was accomplished through an instrument composed by sixty affirmative sentences containing the function words at, for, from, of and to. The data were analyzed both perceptually and acoustically, and then were statistically examined by the software Goldvarb-X. The statistical analysis showed that the phonological vowel of the function word influences the process of vowel reduction, which was favored by the vowel /u/, related to the preposition to, in both analyses (acoustic and perceptual). In addition, vowel reduction was favored when the function words were followed by syllables with primary stress and words in strong position in the sentence, which shows the importance of the prosodic context for the phenomenon in analysis. Finally, the classification of the vowels as reduced in the perceptual analysis was favored by vowel deletion, followed by the production of schwa and of the vowels [U] and [E]. In both analyses, vowel reduction was favored by subjects with experience in Englishspeaking country whose learning started before the age of 13. Besides, reduction was favored by young professors and young advanced speakers in the acoustic analysis. In the analysis that considered each subject, we also found that speech rate, measured by the duration of each sentence, and speech register were relevant linguistic factors for the production of reduced vowels.
A presente pesquisa tem por objetivo analisar o processo de redução vocálica em palavras funcionais produzidas por falantes de inglês como língua estrangeira (LE). Tomamos como ponto de partida os trabalhos de Watkins (2001), que analisou a redução vocálica por falantes de inglês como LE, e de Marusso (2003), que investigou a redução vocálica por falantes nativos de inglês e de português. A partir dessas duas pesquisas, este trabalho propõe-se a avaliar tanto fatores linguísticos quanto extralinguísticos que possam condicionar a redução vocálica em palavras funcionais, à luz da interface entre Sociolinguística e Aquisição de LE. Além disso, este estudo busca propiciar uma reflexão a respeito das informações provenientes da verificação perceptual em comparação às da verificação acústica. A amostra é composta por dezesseis falantes de inglês como LE do sexo feminino, divididas em quatro grupos: falantes de nível intermediário, falantes de nível avançado, professoras de curso de inglês e docentes universitárias, atuantes em cursos de Letras (Inglês e Português/Inglês). A coleta dos dados foi realizada por meio de um instrumento composto de sessenta frases afirmativas contendo as palavras funcionais at, for, from, of e to. Os dados foram verificados perceptual e acusticamente e, em seguida, receberam tratamento estatístico oferecido pelo programa Goldvarb-X.A análise estatística revelou que, em ambas as verificações (perceptual e acústica), a vogal fonológica da palavra funcional exerceu influência sobre a redução vocálica, sendo /u/, que corresponde à preposição to, a maior favorecedora à aplicação da redução. Além disso, a redução foi favorecida em palavras funcionais seguidas por sílabas com acento primário e por palavras com acento frasal forte, o que demonstra a importância do contexto prosódico para o fenômeno em questão. Por fim, a produção que mais favoreceu a percepção das vogais como reduzidas foi o apagamento, seguido do schwa e das vogais [ʊ] e [ε]. Em ambas as verificações, a redução vocálica foi favorecida por informantes com experiência em país falante de inglês e que iniciaram a aprendizagem antes dos 13 anos de idade. Além disso, na verificação acústica, a redução foi favorecida pelas docentes universitárias mais jovens e pelas informantes de nível avançado mais jovens. Através da condução da análise por informante, identificaram-se ainda como fatores linguísticos relevantes para a redução vocálica a velocidade de produção das informantes, controlada através da duração de cada frase, e o registro de fala.
URI: http://hdl.handle.net/10923/4139
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000421829-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo2,2 MBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.