Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/431
Tipo: masterThesis
Título: Retração de caninos superiores com molas fechadas de níquel-titânio e elásticos em cadeia
Autor(es): Pinto, Paulo Rogério de Oliveira
Orientador: Lima, Eduardo Martinelli Santayana de
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Odontologia
Data de Publicação: 2006
Palavras-chave: ODONTOLOGIA
MALOCLUSÃO
OCLUSÃO DENTÁRIA
DENTIÇÃO
RETRAÇÃO (ODONTOLOGIA)
Resumo: The aim of this study was to evaluate the speed of space closure in canine retraction submitted to two distinct methods (elastomeric chains and niquel-titanium closed coil springs) and to determine: mean speed, effect of sex and extrabucal appliance in dental movement mean speed occurred in each system. The sample consisted of 15 patients with Angle 1st division Class II malocclusion, with a mean age of 16,3 years ±5,6, being 8 boys and 7 girls, from these, 5 used extrabucal appliance and 10 were submitted to first premolar extractions. Upper canine retraction was achieved with powerchain elastics in the upper right quadrant and with niquel-titanium coil springs in the upper left quadrant providing a starting force of 150 g. Canine retraction was evaluated until canine retraction was completed or up to a maximum of 5 visits. At each recall, stone models were taken. The evaluation of space closure mean speed was accomplished in 4 different places (3 between canine-premolar and 1 between caninemolar) and anchorage loss measured between first permanent molar and medial point of third palatal rugae in stone models. Results showed greater canine retraction speed employing elastomeric chains, and there was not difference between male and female patients and between patients that used extrabucal appliance and submitted to extractions. Anchorage loss occurred in two retraction methods, however there was not significant difference between two systems to male and female patients. The comparison between patients that used extrabucal appliance and submitted to extractions showed that the anchorage loss was greater in extraction group with elastomeric chain.
O objetivo deste estudo foi avaliar o fechamento dos espaços na retração dos caninos permanentes superiores com dois métodos distintos (elásticos em cadeia e molas fechadas de níquel-titânio) determinando: a velocidade média do movimento dentário; a perda de ancoragem dos primeiros molares permanentes superiores; a influência do sexo e das extrações de pré-molares na velocidade média de movimento ocorrida em cada sistema. A amostra constituiu-se de 15 pacientes portadores de maloclusão de Classe II divisão 1 de Angle, com média de idade de 16,3 anos +5,6 anos, sendo 8 do sexo masculino e 7 do feminino, onde 5 utilizaram aparelho extrabucal previamente e 10 foram submetidos a extração de primeiros pré-molares superiores. A retração dos caninos superiores foi realizada com elásticos em cadeia, na hemiarcada direita, e com molas de níquel-titânio, na esquerda, com força de 150 g. A distalização dos caninos foi avaliada até esta ter sido completada ou num período máximo de 5 reavaliações. Em cada uma destas consultas, foi obtido modelo de gesso a partir de moldagens com alginato.A avaliação da velocidade média mensal do fechamento dos espaços foi feita em 4 locais diferentes (3 entre canino e pré-molar e 1 entre canino e molar) e a perda de ancoragem medida entre o primeiro molar permanente e o ponto mais medial da terceira ruga palatina nos modelos de gesso. Os resultados demonstraram maior velocidade na retração dos caninos com o emprego dos elásticos em cadeia, não havendo diferença entre indivíduos do sexo masculino e feminino e entre os pacientes que utilizaram aparelho extra-bucal e os submetidos a extrações. Ocorreu perda de ancoragem com o uso dos dois métodos de retração, porém não houve diferença significativa entre os dois sistemas para pacientes do sexo masculino e feminino. Já em relação à comparação entre pacientes que utilizaram AEB e os que tiveram os pré-molares extraídos, estes últimos apresentaram maior perda de ancoragem com o uso dos elásticos em cadeia.
URI: http://hdl.handle.net/10923/431
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000386789-0.pdfTexto Completo11,66 MBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.