Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/4373
Tipo: masterThesis
Título: Relação entre o efeito da dieta na distribuição de subfrações de lipoproteínas e níveis basais de triglicerídeos plasmáticos
Autor(es): Barcellos, Laura Maria Arieta
Orientador: Vieira, José Luiz da Costa
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Medicina e Ciências da Saúde
Data de Publicação: 2006
Palavras-chave: MEDICINA
GERIATRIA
DOENÇAS CARDIOVASCULARES
DIETA
LIPOPROTEÍNAS
Resumo: Background & Aims: The highly atherogenic small/dense LDL particles are more prevalent in those with triglyceride levels above 150 mg/dL. The aim of the present study was to evaluate the effects of 4 weeks of NCEP step II diet on lipoprotein particle size and subclass distribution relating them to basal triglyceride levels. Methods: The study included 36 coronary heart disease patients with LDLcholesterol levels above 130 mg/dL. Nuclear magnetic resonance spectroscopy of plasma was used to assess the concentrations of lipids and lipoproteins subclasses. Statistical methods: 2-factor repeated measure ANOVA. The patients were separated into 2 groups depending on baseline triglyceride levels: below or above 150 mg/dL. Results: The low and high triglyceride groups presented differences in changes in lipid levels after the 4 week diet in mean levels of total cholesterol, LDLcholesterol and triglyceride (p respectively 0. 001, 0. 002 and <0. 001), with reduction only in the high triglyceride group. The changes in the mean VLDL, LDL and HDL size were also different in both groups (p respectively 0. 002, 0. 05 and <0. 001), with the high triglyceride group showing increase in the LDL and HDL and decrease in the VLDL mean diameter. There were also differences in changes in lipoprotein subclasses in both groups, with large VLDL particles, small and dense LDL particles and LDL particle concentration decreasing and large HDL particles increasing only in the high but not in the low triglyceride groups (p respectively 0. 01, 0. 007, 0. 002 and 0. 001).Conclusion: In this population of coronary heart disease patients after a period of four weeks of NCEP step II diet there were changes for a better and less atherogenic lipid and lipoprotein subclass profile only in patients with triglyceride levels above 150mg/dL.
Introdução e Objetivo - Alguns estudos demonstram heterogeneidade na resposta à dieta hipolipídica ligada ao perfil de distribuição de subclasses de lipoproteínas. Indivíduos portadores de um padrão de subclasses de LDL mais aterogênico, representado pelo predomínio de partículas pequenas e densas de LDL, comumente apresentam níveis plasmáticos de triglicerídeos (TG) mais elevados. O objetivo desse estudo foi avaliar os efeitos de uma dieta hipolipídica no perfil lipídico e na distribuição das subclasses de lipoproteínas em uma população de pacientes com doença arterial coronariana, relacionando-os com níveis basais de TG. População e Métodos - O estudo incluiu 36 participantes, todos com níveis de LDL-colesterol (LDL-C) acima de 130mg/dL e sem orientação dietéticas prévias. Os pacientes foram agrupados conforme os níveis séricos basais de TG: < 150 mg/dL (grupo TG<150 = 10 pacientes) e ≥ 150 mg/dL (grupo TG≥150 = 26 pacientes). Durante 4 semanas foram submetidos à dieta hipolipídica com ingestão diária de gordura saturada abaixo de 7% das calorias totais. O perfil lipídico e o perfil de distribuição das subclasses de lipoproteínas foram determinados nas semanas basal e final do estudo, através do método de espectroscopia por ressonância nuclear magnética. Resultados: Em relação às características basais, os dois grupos apresentavam diferenças significativas apenas entre os níveis de TG e HDL-colesterol (HDL-C). Os grupos TG<150 e TG≥150 apresentaram diferenças em relação a variações entre as semanas basal e final dos níveis médios de CT, LDL-C e TG (p respectivamente 0,001, 0,002 e <0. 001), havendo redução apenas no grupo TG≥150. Houve também diferença nos dois grupos em relação às alterações no tamanho médio das VLDL, LDL e HDL (p respectivamente 0,002, 0,05 e <0. 001), com aumento do diâmetro médio das LDL e HDL e redução do diâmetro médio das VLDL apenas no grupo TG≥150. Houve também diferenças entre os dois grupos na variação dos níveis de partículas grandes de VLDL partículas pequenas e densas de LDL e concentração de partículas de LDL (p respectivamente 0,01, 0,007 e 0,002), que reduziram apenas no grupo TG≥150, As partículas grandes de HDL aumentaram apenas no grupo TG≥150.Conclusões: Nessa população de pacientes cardiopatas isquêmicos, após um período de 4 semanas de ingestão de dieta hipolipídica com a ingestão diária de gordura saturada < 7% das calorias totais, houve melhora do perfil lipídico e mudança para um perfil de subclasses menos aterogênico somente nos pacientes com TG acima de 150 mg/dL.
URI: http://hdl.handle.net/10923/4373
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000383313-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo336,08 kBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.