Por favor, use este identificador para citar o enlazar este ítem: http://hdl.handle.net/10923/4832
Tipo: masterThesis
Título: Autoconfiança, depressão, ansiedade e tensões em portadores de câncer de próstata avaliadas por meio do Rorschach e escala de qualidade de vida
Autor(es): Tofani, Ana Cristina Azambuja
Orientador: Vaz, Cícero Emídio
Editor: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Psicologia
Fecha de Publicación: 2006
Palabras clave: PSICOLOGIA CLÍNICA
NEOPLASIAS - ASPECTOS PSICOLÓGICOS
NEOPLASIAS PROSTÁTICAS
PSICOLOGIA
Resumen: APRESENTAÇÃO Qualidade de Vida é uma expressão muito utilizada em nosso meio. Para conceituá-la é importante ter alguns parâmetros desde os mais objetivos até os mais subjetivos. Constituíram-se objetivos deste trabalho investigar características de personalidade de pacientes portadores de câncer de próstata por meio do Rorschach e a qualidade de vida desses pacientes. A pesquisa teve como amostra 30 pacientes com câncer de próstata, Grupo de observação, e 30 não pacientes, homens sem este diagnóstico configurando o Grupo controle. O Projeto, após a aprovação pela Comissão Científica da Faculdade de Psicologia, pelo Comitê de Ética e Pesquisa da PUCRS e pela Comissão Científica e de Ética em Pesquisa da Irmandade Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre (ISCMPA) foi executado nas dependências do Hospital de Câncer de Porto Alegre. Estão sendo apresentados nesta Dissertação em formato de artigos: - Cópia do Projeto - Cópia da Carta de Aprovação do Comitê de Ética - Resultados da pesquisa Como resultados da pesquisa, foram elaborados três artigos, dois teóricos e um empírico. Os três artigos estão sendo apresentados com a formatação segundo as normas de cada periódico. Eis os artigos: a) “Câncer de próstata, sentimentos de impotência e fracasso ante os Cartões IV e VI do Rorschach”, já encaminhado à Revista Interamericana de Psicologia (RIP);Autores: Ana C. A. Tofani (principal) e Cícero E. Vaz (segundo autor). Nesse estudo teórico os autores contextualizam o câncer de próstata, diagnóstico e tratamento, abordando conceitos e estudos sobre qualidade de vida e sobre condições emocionais, que foram avaliadas através da técnica de Rorschach (sistema Klopfer) e um questionário de qualidade de vida. c) “Depressão, ansiedade, qualidade de vida e a técnica de Rorschach em pacientes com câncer de próstata”; Autores: Ana C. A. Tofani (principal) e Cícero E. Vaz (segundo autor). É feito estudo comparativo e correlacional com base em dados empiricos dos instrumentos Rorschach e algumas questões da Escala de Qualidade de Vida (QV) entre pacientes, homens com câncer de próstata (n=30) e não pacientes, homens (n=30) sem este diagnóstico. Foram utilizados o teste U de Mann-Whitney para diferença de médias entre os dois grupos, e o coeficiente W de Correlação de Pearson. Os resultados apontaram os seguintes resultados: homens portadores de câncer de próstata apresentam indicadores de auto-estima diminuída, ansiedade e depressão elevadas em comparação com os não pacientes; foi encontrada correlação entre depressão como traço de personalidade avaliada por meio do Rorschach e as questões pertinentes ao bem estar físico e emocional do QV.
URI: http://hdl.handle.net/10923/4832
Aparece en las colecciones:Dissertação e Tese

Ficheros en este ítem:
Fichero Descripción TamañoFormato 
000348333-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo525,41 kBAdobe PDFAbrir
Ver


Todos los ítems en el Repositorio de la PUCRS están protegidos por derechos de autor, con todos los derechos reservados, y están bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial 4.0 Internacional. Sepa más.