Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/4899
Tipo: doctoralThesis
Título: Estudo dos processos de mudança em usuários de substâncias psicoativas ilícitas
Autor(es): Szupszynski, Karen Priscila Del Rio
Orientador: Oliveira, Margareth da Silva
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Psicologia
Data de Publicação: 2012
Palavras-chave: PSICOLOGIA CLÍNICA
DEPENDÊNCIA QUÍMICA - TRATAMENTO
PSICOTRÓPICOS
MOTIVAÇÃO (PSICOLOGIA)
COMPORTAMENTO (PSICOLOGIA)
COCAÍNA CRACK
Resumo: Esta Tese de doutorado trata sobre o Estudo dos processos de Mudança, conforme os construtos do Modelo Transteórico de Mudança, em dependentes químicos. A Seção I é o capítulo teórico da presente Tese e teve como objetivo realizar uma Revisão de Literatura sobre o Modelo Transteórico de Mudança. O método utilizado foi a Revisão Bibliográfica, elaborada a partir de uma pesquisa nas Bases de Dados Pubmed, Psycinfo, Web of Science e Lilacs. Os descritores utilizados foram transtheorical model, processes of change, drug, validity e treatment. Foram explicados os conceitos dos Estágios de Mudança, Balança Decisional, Auto-eficácia, Tentação para o uso e Processos de Mudança. A Seção II, intitulada “Propriedades psicométricas da versão brasileira da escala de processos de mudança (EPM) em usuários de substâncias psicoativas ilícitas” apresenta o resultado da tradução e adaptação para a realidade brasileira da Escala de Processos de Mudança (EPM) em usuários de drogas. O método utilizado foi de um estudo quantitativo e transversal, de cunho instrumental. A amostra foi constituída de 328 sujeitos usuários de substâncias psicoativas ilícitas. De acordo com os resultados, o processo de tradução e adaptação dos instrumentos para o português brasileiro se mostrou satisfatório e a versão final apresentou linguagem adequada às necessidades da população. Além disso, pôde-se constatar que a versão brasileira da Escala de Processos de Mudança para usuários de drogas é um instrumento com valores de fidedignidade e validade satisfatórios. A Seção III (“Intervenção para usuários de drogas baseada no modelo transteórico de mudança: estudo de adaptação de intervenção grupal”) teve dois objetivos centrais.O primeiro foi de realizar uma adaptação brasileira do Manual “Group Treatment for Substance Abuse: a stages-of-change therapy manual” (Velasquez, Maurer, Crounch & DiClemente, 2001) para usuários de drogas. O segundo foi de testar empiricamente a efetividade desta adaptação. A adaptação da intervenção foi realizada de forma adequada em relação à tradução e condensação do Manual original, obtendo-se um programa de oito sessões. De acordo com os resultados do estudo empírico de testagem do novo programa de intervenção, foi possível perceber que a Intervenção proposta no Grupo Experimental demonstra bons resultados frente ao problema do uso de crack e um interessante potencial de efetividade. No entanto, os resultados obtidos ainda não podem estar relacionados a uma comprovação de efetividade. A Seção IV, intitulada “Aplicabilidade do modelo transteórico de mudança na dependência química: correlações entre os construtos” objetivou averiguar se há uma relação estatística entre os principais construtos do MTT, tentando comprovar se a correlação teórica se aplica à prática em usuários de drogas no Brasil. Participaram deste estudo 142 sujeitos usuários de crack internados em unidades de tratamento para Dependência química Os resultados mostraram a existência empírica da relação entre os construtos do MTT. Os Processos de Mudança, Autoeficácia, Tentação para uso e Estágios de Mudança apresentaram correlações significativas, conforme postulado teoricamente.
This dissertation is about the study of the Processes of Change in drug users. The first section is the theoretical chapter of the thesis and aimed to conduct a literature review about the Transtheoretical Model of Change. The method used was a Literature Review, prepared from a survey in Databases PubMed, PsycINFO, Web of Science, and Lilacs. This section explained the concepts of the Stages of Change, Decisional Balance, Self-efficacy, Temptation to use and Processes of Change. The second section, entitled "Psychometric properties of the Brazilian version of the Processes of Change Questionnaire (EPM) in users of illicit psychoactive substances" presented the result of the translation and adaptation of the Brazilian Scale of Processes of Change (EPM) for drug users. The method used in this section was a quantitative research, cross-sectional and instrumental, with a sample of 328 drug users. According to the results, the process of translation and adaptation of instruments for Brazilian Portuguese proved satisfactory and with a good final version. Furthermore, it was noted that the Brazilian version to the Scale of Processes of Change for drug users is an instrument with adequate reliability and validity. In the third Section ("Intervention to drug users based on the Transtheoretical Model of Change: study intervention group") there were two main objectives.The first one was to conduct a Brazilian adaptation of the Manual "Group Treatment for Substance Abuse: a stages-of-change therapy manual" (Velasquez, Maurer, Crounch & DiClemente, 2001) for drug users. The second was to empirically test the effectiveness of this manual adaptation. The adaptation of the intervention was adequate, and a program with 8 sessions was constructed. According to the results of the empirical testing of this new intervention program, it was possible to see that the intervention proposed in the Experimental Group shows good results against the problem of crack cocaine use and a potential effectiveness. The fourth and last section entitled "Applicability of the Transtheoretical model of change in addiction: correlations among constructs" aimed to determine whether there is a statistical relationship between the main constructs MTT. This research tried to prove if the theory has correlation with the practice in Brazilian drug users. The sample was 142 crack users in treatment. The results showed that there is empirical relationship between the constructs of MTT. The Processes of Change, Self-efficacy, Temptation to use and Stages of Change have significative correlation as in the theory.
URI: http://hdl.handle.net/10923/4899
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000445275-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo1,25 MBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.