Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/4905
Tipo: masterThesis
Título: Bateria Montreal de Avaliação da Comunicação Breve - Bateria MAC Breve: estudos de adaptação
Autor(es): Casarin, Fabíola Schwengber
Orientador: Fonseca, Rochele Paz
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Psicologia
Data de Publicação: 2010
Palavras-chave: PSICOLOGIA
NEUROPSICOLOGIA
PSICOLINGUÍSTICA
COMUNICAÇÃO - ASPECTOS PSICOLÓGICOS
LINGUAGEM - DISTÚRBIOS
COGNIÇÃO
TESTES PSICOLÓGICOS
Resumo: No âmbito da neuropsicologia clínica, atualmente sabe-se que uma disfunção ou lesão de hemisfério direito pode prejudicar os processamentos comunicativos discursivo, pragmático, léxico-semântico e/ou prosódico e, consequentemente, afetar as interações sociais do paciente. Apesar da grande importância e necessidade da avaliação neuropsicológica da comunicação para a identificação de habilidades deficitárias e preservadas, para prognóstico e reabilitação, existe, ainda, uma escassez de instrumentos adaptados à realidade brasileira que avaliem habilidades comunicativas em um contexto breve. Assim, esta dissertação visou a promover uma revisão sistemática da literatura sobre avaliação da linguagem de forma breve e apresentar um estudo empírico do processo de adaptação da Bateria Montreal de Avaliação da Comunicação Breve – versão abreviada, Bateria MAC Breve, a partir da versão canadense Protocole Montréal d’Évaluation de la Communication de Poche (MEC de Poche) e da Bateria MAC expandida, versão brasileira. Essa ferramenta tem como finalidade avaliar habilidades comunicativas ou linguísticas funcionais.A revisão sistemática foi conduzida com palavras-chave de três construtos, avaliação, comunicação e população examinada, nas bases PubMed, LILACS e HaPI. Selecionaram-se 18 estudos que utilizaram instrumentos breves ou screenings padronizados. O Frenchay Aphasia Screening Test (FAST), além de ser o teste mais antigo, foi utilizado em sete estudos analisados. Nenhum instrumento brasileiro foi encontrado. No estudo empírico, o processo de adaptação da Bateria MAC Breve envolveu seis etapas com a participação de 371 indivíduos: comparação entre o Protocole MEC de Poche e a versão expandida da Bateria MAC brasileira, tradução das partes modificadas, criação de novos estímulos, análise de juízes nãoespecialistas, análise de juízes especialistas e estudos pilotos, sendo que cada uma gerou mudanças no instrumento. Obteve-se a versão final do instrumento breve, com duração de 30 minutos, considerando-se o processo rigoroso e bem sucedido. Uma adaptação criteriosa contribui para que o instrumento possa medir aquilo a que se propõe em diversas culturas.
In the area of clinical neuropsychology, it is currently accepted that a disfunction or injury of the right hemisphere can impair the discoursive, pragmatic, lexical-semantic and/or prosodic communicative processes and, consequently, affect the patient’s social interactions. Neuropsychological evaluation of communication is not only important but also necessary for the identification of deficit and spared abilities for prognosis and rehabilitation. However, there still is a scarcity of instruments that evaluate communicative abilities in a brief context suitable for the Brazilian reality. This dissertation first conducts a systematic review of literature on brief language assessment. Next, it presents an empirical study of the process involved in adapting the Bateria Montreal de Avaliação da Comunicação - Bateria MAC Breve from the Canadian version Protocole Montréal d’Évaluation de la Communication de Poche (MEC de Poche), and from the Brazilian version of the Bateria MAC expandida. The purpose of this tool is to evaluate functional communication abilities. The systematic review was done within three constructs: assessed, communication and examined population, using the databases PubMed, LILACS and HaPI. Eighteen studies that had used brief instruments or standardized screenings were selected. The Frenchay Aphasia Screening Test (FAST), as well as being the oldest test, was used in seven of the analyzed studies. No Brazilian instrument was found. In the empirical study, the adaptation of the MAC Brief Battery involved six stages with the participation of 371 subjects: comparison between the Protocole MEC de Poche and the Brazilian version of the MAC Expanded Battery, translation of the modified parts, creation of new stimuli, analysis by non-specialist judges, analysis by experts judges and two pilot studies, each stage guiding changes to be made to the instrument.The final version of the brief instrument lasts 30 minutes; its development process was considered rigorous and successful. A thorough adaptation makes it possible for the instrument to be used in different cultures.
URI: http://hdl.handle.net/10923/4905
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000428894-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo1,39 MBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.