Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10923/5046
Type: doctoralThesis
Title: Compromisso social empresarial ou responsabilidade social das empresas: o mercado no lugar do Estado?
Author(s): Pertile, Luís Carlos
Advisor: Reis, Carlos Nelson dos
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Graduate Program: Programa de Pós-Graduação em Serviço Social
Issue Date: 2008
Keywords: SERVIÇO SOCIAL
RESPONSABILIDADE SOCIAL - EMPRESAS
POLÍTICA SOCIAL
ESTADO E SOCIEDADE
Abstract: This thesis aims to contribute to the main study of corporate social responsibility, trying to gauge this concept in the solution of social demands and position the state as a natural provider of such policies, leaving the market the role of managing trade relations. To produce this thesis, a broad theoretical foundation, seeking to identify and understand the role of the state and the market in major schools of economic thought. It was also portray the history of corporate social responsibility, citing the view of many authors on the subject, to have a real understanding of the term. According to the premise advocated in this thesis, that all shares disclosed by the companies, via social balance, expressing its commitment, made up a case study of a company's financial arm, to the data, trying to prove it it is, in fact, performing actions of social responsibility. To this end, was covered in a test given by the author elaborated on the basis of the available literature. This test, called"Test of social responsibility or corporate social commitment," is a result of understanding, this author, that would be about the actions of social responsibility. Taking into account legal, economic, fiscal, social and breadth of real benefit to public policies established by the state. After extensive literature review conducted and confrontation with reality, through case study, it appears that the shares distributed as social responsibility are not in fact the fulfillment of the commitment made by companies with their stakeholders, because such actions must go beyond those limits. The name of the social enterprise is a new idea, the author suggests that this thesis is used to substitute the name of corporate social responsibility.It is also that the sovereign state is to administer public policies and social ideal that there is a confluence of forces between the public and private initiatives, for the universalization of these actions is possible.
Esta tese tem por objetivo principal contribuir para o estudo da responsabilidade social das empresas, tentando dimensionar esse conceito na solução das demandas sociais, bem como posicionar o Estado como provedor natural dessas políticas, deixando ao mercado o papel de administrar as relações comerciais. Para a elaboração desta tese, realizou-se uma ampla fundamentação teórica, buscando identificar e compreender o papel do Estado e do mercado nas principais escolas do pensamento econômico. Procurou-se, também, retratar a história da responsabilidade social das empresas, citando o entendimento de vários autores acerca do tema, para que haja uma real compreensão do termo. De acordo com a premissa defendida, nesta tese, de que todas as ações divulgadas pelas empresas, via balanço social, expressam o seu compromisso, efetuou-se um estudo de caso de uma empresa do ramo financeiro, para com esses dados, tentar comprovar se a mesma está, de fato, realizando ações de responsabilidade social. Para tanto, foi realizado um teste amparado em figura elaborada pelo autor com base na literatura disponível. Este teste, denominado “Teste de responsabilidade social ou compromisso social empresarial”, é resultante do entendimento, deste autor, acerca do que seriam ações de responsabilidade social. Levando em consideração aspectos legais, econômico-fiscal, de amplitude social e de real benefício às políticas públicas instauradas pelo Estado. Após a ampla revisão bibliográfica realizada e o confrontamento com a realidade, via estudo de caso, conclui-se que as ações divulgadas como de responsabilidade social não passam, em realidade do cumprimento do compromisso assumido pelas empresas com seus stakeholders, uma vez que tais ações devem ir além desses limites.A denominação de compromisso social empresarial é uma idéia nova, cujo autor desta tese sugere que seja utilizada em substituição à denominação de responsabilidade social das empresas. Conclui-se, ainda, que o Estado é soberano para administrar as políticas públicas sociais e que o ideal é haver a confluência de forças entre as iniciativas públicas e privadas, para que a universalização dessas ações seja possível.
URI: http://hdl.handle.net/10923/5046
Appears in Collections:Dissertação e Tese

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
000408713-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo777,83 kBAdobe PDFOpen
View


All Items in PUCRS Repository are protected by copyright, with all rights reserved, and are licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License. Read more.