Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/5236
Tipo: masterThesis
Título: A esponsalidade de Cristo com a Igreja e seu reflexo na esponsalidade do presbítero com a Igreja
Autor(es): Pereira, Edson
Orientador: Santos, Manoel Augusto Santos dos
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Teologia
Data de Publicação: 2007
Palavras-chave: TEOLOGIA
PRESBÍTEROS
IGREJA
CRISTO (DEIDADE)
Resumo: Dentre as diversas figuras com que se pode caracterizar a Igreja, a de esposa de Cristo ocupa um lugar eminente na teologia. Desde o Antigo Testamento, Deus revela-se como o Esposo e firma uma Aliança com Israel fazendo com que eles se tornem o seu povo e Ele será o seu Deus. Na Nova Aliança, Jesus Cristo é o Esposo da Igreja que emerge e se propaga. A temática da esponsalidade de Cristo com a Igreja é retomada no período patrístico com interpretações feitas a partir da Sagrada Escritura. No Magistério eclesiástico elementos teológicos são expostos antes, durante e depois da realização do Concílio Vaticano II sobre a relação Cristo-Esposo, Igreja-Esposa. A imagem do Presbítero, tal qual definida no Concílio de Trento, renovada e aprofundada no Vaticano II, define mais claramente a identidade presbiteral e sua ação na Igreja. Analisando-se a realidade esponsal entre Cristo e a Igreja pode-se afirmar que a relação do Presbítero com a Igreja, enquanto age in persona Christi torna-se o reflexo da ação esponsal de Cristo com a Igreja.
URI: http://hdl.handle.net/10923/5236
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000390104-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo762,33 kBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.