Por favor, use este identificador para citar o enlazar este ítem: http://hdl.handle.net/10923/5334
Registro completo de metadatos
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.advisorDi-Bernardo, Marcosen_US
dc.contributor.authorZank, Carolineen_US
dc.date.accessioned2013-08-07T19:12:16Z-
dc.date.available2013-08-07T19:12:16Z-
dc.date.issued2005pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10923/5334-
dc.description.abstractO presente estudo foi realizado na Reserva Biológica do Lami (30º 15’ S; 51º 05’ W), uma área com aproximadamente 179 ha localizada no município de Porto Alegre, Brasil. As atividades de campo compreenderam visitas bimensais a três banhados semi-permanentes, com duração aproximada de dois dias e duas noites cada, entre agosto de 2004 e julho de 2005. Observamos diferenças nos sítios utilizados por machos, fêmeas e juvenis, com machos ocupando locais mais profundos e mais distantes da margem. A distribuição temporal dos indivíduos, vocalizações e amplexos indicaram que, no local de estudo, a reprodução de P. minutus é estacional prolongada, e regulada por fatores abióticos. Os machos em atividade de vocalização apresentaram diferença significativa em relação os machos não vocalizantes para todos os fatores abióticos diários analisados (temperatura do ar, temperatura da água, umidade relativa do ar e pluviosidade), bem como na temperatura do ar e pluviosidade mensais. A quantidade de machos, fêmeas e juvenis em atividade foi influenciada pelo menos por um dos fatores ambientais mensais ou diários analisados. Os machos apresentaram duas vocalizações distintas: o canto de anúncio e o canto territorial, este último podendo apresentar uma ou duas notas. A freqüência dominante do canto de anúncio não apresentou correlação com a massa e o CRC dos machos gravados. Foram observados dois encontros agonísticos entre machos; em um houve apenas interação acústica entre os indivíduos, e no outro interação acústica e física. Os machos apresentaram atividade de vocalização predominantemente noturna e ocasionalmente diurna, com pico por volta das 23 horas. O número de machos vocalizando variou significativamente ao longo do ano, sendo maior de maio a novembro, com pico em setembro.pt_BR
dc.description.abstractThis study was carried out in the Reserva Biológica do Lami (30º 15’ S; 51º 05’ W), an area of about 179 ha situated in the Municipality of Porto Alegre, Brazil. Field activities encompassed bimonthly surveys in three semi-permanent ponds, each one during approximately two days and two nights, from August 2004 to July 2005. We observed differences in the sites used by males, females and juveniles, with males occupying deeper and more distant places in relation to the margin. The temporal distributions of individuals, vocalizations and amplectant pairs indicated that the reproduction of P. minutus is seasonal prolonged, and dictated by abiotic factors. Calling males presented statistical differences in relation to the non-calling males to all daily abiotic variables analyzed (air temperature, water temperature, air humidity, and rain quantity), as well to monthly temperature and rain quantity. The quantity of active males, females and juveniles was influenced by at least one of the daily or monthly environmental variables analyzed. Males presented two distinct vocalizations: the advertisement call and the territorial call, this late formed by one or two notes. The dominant frequency of the advertisement call did not present correlation to the mass and to the snout-vent length of the recorded males. We observed two agonistic interactions between males; one involved acoustic interaction, and the other, acoustic and physical interactions. The calling activity was predominantly nocturnal, and occasionally diurnal, with peak at about 11 p. m. The number of calling males varied statistically along the year, being bigger from May to November, with peak in September.en_US
dc.language.isoPortuguêspt_BR
dc.publisherPontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sulpt_BR
dc.subjectBIOLOGIApt_BR
dc.subjectZOOLOGIApt_BR
dc.subjectANFÍBIOSpt_BR
dc.subjectRESERVA BIOLÓGICA DO LAMIpt_BR
dc.titleBiologia reprodutiva de Pseudis minutus Günther, 1858 (anura, hylidae, hylinae) na Reserva Biológica do Lami, Porto Alegre, Brasilpt_BR
dc.typemasterThesispt_BR
dc.degree.grantorPontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sulpt_BR
dc.degree.departmentFaculdade de Biociênciaspt_BR
dc.degree.programPrograma de Pós-Graduação em Zoologiapt_BR
dc.degree.levelMestradopt_BR
dc.degree.date2005pt_BR
dc.publisher.placePorto Alegrept_BR
Aparece en las colecciones:Dissertação e Tese

Ficheros en este ítem:
Fichero Descripción TamañoFormato 
000379849-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo649,65 kBAdobe PDFAbrir
Ver


Todos los ítems en el Repositorio de la PUCRS están protegidos por derechos de autor, con todos los derechos reservados, y están bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial 4.0 Internacional. Sepa más.