Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/6957
Tipo: masterThesis
Título: O catolicismo na nova terra da (pro) missão: a práxis da igreja católica em Rondônia : análise histórica do projeto pe. Ezequiel na diocese de Ji-Paraná (1988-2007)
Autor(es): Pinheiro, Francisco Clebio
Orientador: Albernaz, Cássio Alan Abreu
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em História
Data de Publicação: 2014
Palavras-chave: CATOLICISMO - RONDÔNIA
SAÚDE - ASPECTOS RELIGIOSOS
COLONIZAÇÃO - RONDÔNIA
Resumo: This thesis seeks to analyze the Catholicism’s profile in the colonization process in Rondônia, through the actions taken by the “Priest Ezequiel’s Project" in Ji-Paraná’s Diocese, during Dom Antonio Possamai’s bishopric (1988-2007). Thus, it has the purposes reflect about the problems in relation to the Church’s idea which prevailed during the colonization’s process in Rondônia through the Priest Ezequiel’s social project development. In this sense, they were raised as objectives of this work researching the Catholicism’s social practice in Rondônia’s colonization process and analyze in the historical point of view in the Church's participation in an alternative social work elaboration for the marginalized people in Rondônia. Furthermore, analyze the church’s idea present in this implementing practice. For this purpose, the approach sought to examine and relate the religious field and symbolic power from Bourdieu (2007), and the idea of Roger Chartier’s social representation (1991), with the data examined on “Priest Ezequiel’s Project." Through this path taken it was possible to see a progressive church’s profile that besides offering the faithful the "real faith" brought actions aimed at social integration and health conditions to the settlers.
A presente dissertação procura analisar o perfil do catolicismo no processo de colonização de Rondônia mediante as ações realizadas pelo Projeto Pe. Ezequiel, da Diocese de Ji-Paraná-RO, no período do bispado de Dom Antônio Possamai (1988 - 2007). Assim, tem a finalidade de refletir sobre a problemática a respeito da concepção de Igreja que predominou no período do processo de colonização em Rondônia através do desenvolvimento do Projeto Social Padre Ezequiel. Nesse sentido, foram levantados como objetivos deste trabalho: pesquisar a práxis social do catolicismo no processo de colonização de Rondônia e analisar, do ponto de vista histórico, a participação da Igreja na elaboração de alternativas de trabalho social para os povos marginalizados de Rondônia. Além disso, analisar a concepção de Igreja presente na implementação desta práxis. Para tanto, a abordagem procurou examinar e relacionar o campo religioso e poder simbólico a partir de Bourdieu (2007), e o conceito de representação social de Roger Chartier (1991), com os dados examinados sobre o Projeto Pe. Ezequiel. Através deste caminho percorrido foi possível constatar um perfil de igreja progressista que, além de oferecer aos fiéis os "bens da fé" proporcionou ações visando integração social e condições de saúde aos colonos.
URI: http://hdl.handle.net/10923/6957
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000463987-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo7,61 MBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.