Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/7162
Tipo: masterThesis
Título: Réquiem para o romance de casamento: a paródia em A Trama do Casamento, de Jeffrey Eugenides
Autor(es): Louzada, Laura da Cunha
Orientador: Barberena, Ricardo Araujo
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Letras
Data de Publicação: 2015
Palavras-chave: LITERATURA - HISTÓRIA E CRÍTICA
CRÍTICA LITERÁRIA
CASAMENTO
PARÓDIA
Resumo: Este trabalho analisa a tradição anglo-americana dos romances de casamento com foco em três obras de períodos diferentes: Orgulho e Preconceito, de Jane Austen, Jane Eyre, de Charlotte Brontë, e The House of Mirth, de Edith Wharton. Após esta recaptulação da tradição romanesca de obras voltadas para a passagem da adolescência para a vida adulta da mulher, é feito um estudo comparativo com o romance A trama do casamento, de Jeffrey Eugenides. A obra é lida como uma paródia moderna, seguindo os conceitos de Linda Hutcheon.
This thesis analyzes the Anglo-American tradition of courtship novels focusing on three works from different periods : Pride and Prejudice, by Jane Austen, Jane Eyre, by Charlotte Brontë, and The House of Mirth, by Edith Wharton. After going through this recapitulation of the novelistic tradition involving the passage from adolescence to adulthood in the life of a woman, there is a comparative study of those novels and Marriage Plot, by Jeffrey Eugenides. This novel is seen as a modern parody, following Linda Hutcheon‘s Theory of Parody.
URI: http://hdl.handle.net/10923/7162
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000467546-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo435,78 kBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.