Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/7346
Tipo: masterThesis
Título: A relação entre a metodologia criativa design thinking e o desenvolvimento da motivação no processo de aprendizagem de adultos
Autor(es): Bücker, Caroline
Orientador: Santos, Bettina Steren dos
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Educação
Data de Publicação: 2015
Palavras-chave: EDUCAÇÃO
EDUCAÇÃO DE ADULTOS
ESCRITA CRIATIVA
APRENDIZAGEM
MOTIVAÇÃO (EDUCAÇÃO)
Resumo: This research seeks to analyze the existence of a relationship between the creative methodology called Design Thinking and a possible increase of motivation in adult learning. Traditionally, adult learning is structured to be conducted by the teacher, in which it determines the contents to be worked and how to conduct the process. Already in creative workshops of Design Thinking, learning can be built collaboratively with students, between teacher and students, and among colleagues, in a process that involves learning and social development that are already part of the individual and his history lifetime. In addition to conducting a literature about both topics, it includes the development of creative workshops in various areas as a way to analyze the motivational process of adults with the use of the methodology to solve many complex problems, as relevant and challenging in the world today. The research took place through a questionnaire in the Creative Workshops of DT's Sectoral Innovation Area in SEBRAE / RS. The realization of all workshops took place in 2014, in various cities of the Rio Grande do Sul state, and were conducted by the author and the co-worker Carlos Idiart, graphic designer and virtual games designer. The Workshops of the format was developed by the author through workshops and classes with d. think group in Rio de Janeiro and Porto Alegre, other creative experiences and was approved by Sebrae / RS. The survey in total were apply in ten (10) Workshops and several lectures on the subject in the period. In addition to the questionnaire, which was qualitative analysis tool, the used the participant observation methodology has been applied. The fact that the workshops were always conducted in double work, had facilitated the process in a relevant way. The subjects were adults, male and female, aged between 21 and 58 years micro business owners and entrepreneurs, affiliated with the Sebrae / RS, being a minority with complete college level and with the vast majority of university level, as well as graduate and master's degree’s level. Participants were adults interested in developing their businesses and learn about innovation through DT creative methodology. Important to mention that the participation of all the workshops was self motivated, encouraged by Sebrae / RS, and participation in the completion of the questionnaires was suggested by the author, but never demanded of subjects. Data analysis, performed by drawing pictures with clouds of words have generated the following categories: 1) perceived need / desire for learning; 2) cooperation in the construction process of adult learning; 3) emotions present in adult learning construction process and 4) DT format to increase motivation. As a complementary category analysis of the subjects considered students and adult learners, was part of the vision of the mediators of creative workshops based on DT methodology and created the category 5) Additional: Mediator's vision / Workshops Teacher. The subjects showed a clear perception of the need to learn, which can stimulate the motivation to learn, and when asked about their emotions, demonstrate an attitude of acceptance and openness to express and deal with the emotions present in the learning process. According to the analysis of the research, the format proposed by the Design Thinking stimulates and increases the motivation to learn exactly by bringing the emotions of the subject to the fore in the process, through an initial stage of empathy, and propose of questions, divergent and convergent views, multidisciplinary interaction among participants and practical training activities for tangibilization ideas and proposed solutions in creative workshops. The vision of mediators that facilitated the creative workshops came to complement the analysis of the research, especially since expressed positive emotions about the application of the methodology, the motivation of students and also to its own involvement in the learning process of building this creative format, more open, focused on humans and in today's most complex needs of today's world.
Esta pesquisa busca identificar a existência de uma relação entre a metodologia criativa denominada Design Thinking e um possível incremento da motivação no aprendizado adulto. Tradicionalmente, a aprendizagem de adultos está estruturada de forma a ser conduzida pelo professor, que determina os conteúdos a serem trabalhados e a forma de conduzir o processo. Já nas oficinas criativas de Design Thinking, o aprendizado pode ser construído de forma colaborativa com os alunos, entre professor, alunos e entre colegas, em um processo que envolve o aprendizado e o desenvolvimento social que já são parte do indivíduo e de sua história de vida. Além de realizar um levantamento bibliográfico a respeito de ambos os temas, contempla o desenvolvimento de oficinas criativas em diferentes âmbitos como forma de analisar o processo motivacional de adultos ao utilizarem a metodologia para resolução de problemas diversos e complexos, tão pertinentes e desafiadores no mundo atual.A pesquisa aconteceu através da aplicação de questionário nas Oficinas Criativas de DT da Área de Inovação Setorial do Sebrae/RS. A realização de todas as oficinas ocorreu no ano de 2014, em diversas cidades do Estado do Rio Grande do Sul, e foram conduzidas pela autora e o colega de trabalho Carlos Idiart, designer gráfico e de jogos virtuais. O formato das oficinas foi desenvolvido pela autora, com base em vivência com grupo d. think no Rio de Janeiro e em Porto Alegre, outras experiências criativas e aprovado pelo Sebrae/RS. A pesquisa totalizou dez (10) oficinas e diversas palestras sobre o tema no período. Além do questionário, que foi instrumento de análise qualitativa, utilizou-se a metodologia da observação participante, pois procurou manter um olhar analítico, mesmo inserida nas atividades. O fato de as oficinas serem conduzidas sempre em dupla facilitou o processo de forma relevante e decisiva. Os sujeitos desta pesquisa foram os adultos, do gênero masculino e feminino, com idades variando entre 21 e 58 anos microempresários e empreendedores, filiados ao Sebrae/RS, sendo uma minoria com terceiro grau incompleto e a maioria com terceiro grau completo, além de nível de pós-graduação e mestrado. Os adultos participantes estavam interessados em desenvolver seus negócios e aprender sobre inovação através da metodologia criativa DT. Importante citar que a participação de todos nas oficinas foi automotivada, estimulada pelo Sebrae/RS, e a participação no preenchimento dos questionários foi sugerida pela autora, mas nunca exigida dos sujeitos. A análise dos dados, realizada através da elaboração de imagens com nuvens de palavras citadas pelos sujeitos, gerou as seguintes categorias: 1) percepção de necessidade/desejo para o aprendizado; 2) colaboração no processo de construção do aprendizado adulto; 3) emoções presentes no processo de construção do aprendizado adulto; e 4) formato DT como incremento de motivação. Como categoria complementar a análise dos sujeitos considerados alunos e adultos aprendentes, inseriuse a visão dos mediadores de oficinas criativas com base em metodologia DT e criou-se a categoria 5) complementar: visão do mediador/professor de oficinas. Os sujeitos apresentaram uma clara percepção sobre a necessidade de aprender, que pode estimular a motivação para o aprendizado, e, quando questionados sobre suas emoções, demonstraram uma postura de aceitação e de abertura para expressar e lidar com as emoções presentes no processo de aprendizagem. De acordo com a análise da pesquisa, o formato proposto pelo Design Thinking estimula e incrementa a motivação para o aprendizado exatamente por trazer as emoções dos sujeitos à tona no processo, através de uma etapa inicial de empatia, além de propor questionamentos, visões divergentes e convergentes, interação multidisciplinar entre os participantes e atividades de cunho prático para tangibilização das ideias e soluções propostas nas oficinas criativas. A visão dos mediadores que facilitaram as oficinas criativas veio a complementar a análise da pesquisa, especialmente pelo fato de expressaram emoções positivas acerca da aplicação da metodologia, da motivação dos alunos e também do seu próprio envolvimento com o processo de construção do aprendizado neste formato criativo e mais aberto, focado no ser humano e nas atuais necessidades mais complexas do mundo atual.
URI: http://hdl.handle.net/10923/7346
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000469980-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo12,69 MBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.