Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10923/7796
Type: masterThesis
Title: Efeito de uma intervenção para prevenção da Síndrome de Burnout em professores
Author(s): Dalcin, Larissa
Advisor: Carlotto, Mary Sandra
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Graduate Program: Programa de Pós-Graduação em Psicologia
Issue Date: 2016
Keywords: PSICOLOGIA SOCIAL
SÍNDROME DE BURNOUT
PROFESSORES - ASPECTOS PSICOLÓGICOS
INTERVENÇÃO (PSICOLOGIA)
Abstract: Burnout Syndrome (BS) is characterized by a psychosocial phenomenon that occurs in response to chronic interpersonal stressors in a work environment, especially during labour conflicts, when there is excessive pressure, little recognition or success, and few emotional rewards. This syndrome consists of three dimensions: emotional exhaustion, depersonalization, and low professional fulfilment. Currently, it has being evaluated as an important public health problem with epidemiological characteristics that are not education specific, or culture specific or involve a particular social reality, or occurs in a specific country. The occupational stress is compromising the health and quality of life of the teachers because it appears that the classrooms are increasingly overcrowded, there is little professional valorisation, and salary wages are low, in addition to other issues and factors that can trigger stress. This dissertation consists of two studies, a systematic review of the literature and an empirical study. The study I, entitled "Burnout Syndrome in teachers in Brazil: considerations for a research agenda" aimed at raising and summarizing the main systematic review of studies conducted with teachers in Burnout in Brazil. The study II, which is the "Effect assessment of the intervention program to the Burnout Syndrome of the teachers", was intended to assess the effect of preventive intervention for Burnout Syndrome to be applied to teachers. The intervention was carried out during six meetings in which the issues discussed were self-diagnosis, healthy coping strategies, management of problems and emotions, management of the time between family/work, realistic professional expectations, and participation of parents in school. This study had the participation of 20 teachers who work in a primary public school in the metropolitan area of Porto Alegre, RS. From the first study, it was possible to identify that it is still in its infancy the amount of studies about the associated factors with Burnout Syndrome. However, the results show association between individual socio-demographic variables and personality, contextual variables related to the job/work, and the consequences of Burnout, identifying the need for expansion of the agenda because of the shortcomings identified, particularly regarding the interventions. In study II the results obtained by comparison of the pre and post-test scores, being evaluated as initial evidence of the effect of the proposed intervention because variables such as illusion, coping focused on the problem, and variability of emotions at work have achieved significant results. Accordingly, it can be concluded that intervention programs for stress management and BS can be beneficial for the teachers, as well as for the educational institutions and for the society in general.
A Síndrome de Burnout (SB) é caracterizada como um fenômeno psicossocial que ocorre como resposta crônica aos estressores interpessoais ocorridos na situação de trabalho, principalmente em contextos laborais nos quais predominam conflitos, há excessiva pressão, pouco reconhecimento ou sucesso e poucas recompensas emocionais. Essa síndrome é constituída de três dimensões: Exaustão Emocional, Despersonalização e Baixa Realização Profissional. Atualmente, ela vem sendo avaliada como uma importante questão de saúde pública, com características epidemiológicas, sendo um problema que não afeta somente uma determinada realidade educacional, cultural, social ou um determinado país. O estresse ocupacional está comprometendo a saúde e a qualidade de vida dos professores, pois se verifica que as salas de aulas estão cada vez mais superlotadas, há pouca valorização profissional e salarial, além de outros problemas e fatores que podem ainda desencadear o estresse. Esta dissertação constitui-se de dois estudos, uma revisão sistemática da literatura e um estudo empírico. O estudo I, intitulado “Síndrome de Burnout em professores no Brasil: considerações para uma agenda de pesquisa” teve como objetivo levantar e sumariar os principais resultados de pesquisas realizadas no tocante a Burnout em professores, no Brasil.O estudo II, “Avaliação de efeito de um programa de intervenção para a Síndrome de Burnout em professores”, pretendeu avaliar o efeito de uma intervenção preventiva para Síndrome de Burnout a ser aplicada em professores. A intervenção foi realizada durante seis encontros nos quais foram abordadas questões como o autodiagnóstico, estratégias saudáveis de enfrentamento, manejo de problemas e de emoções, gestão do tempo/trabalho, família, expectativas profissionais realísticas e participação dos pais na escola e teve a participação de 20 professoras que atuam em uma escola pública municipal de ensino fundamental da região metropolitana de Porto Alegre, RS. A partir do primeiro estudo, foi possível identificar que ainda é incipiente a quantidade de estudos sobre fatores associados à Síndrome de Burnout, no entanto os resultados demonstram associação entre as variáveis individuais sociodemográficas e de personalidade, contextuais relacionadas ao cargo/trabalho e consequências de Burnout, identificando a necessidade de ampliação da agenda devido às lacunas identificadas, principalmente no tocante a intervenções. No estudo II, os resultados obtidos por meio da comparação dos escores pré e pós-teste podem ser avaliados como evidências iniciais do efeito da intervenção proposta, visto que variáveis como ilusão pelo trabalho, coping focalizado no problema e variabilidade de emoções no trabalho obtiveram resultados significativos. Diante do exposto, é possível concluir que programas de intervenção para o manejo de estresse e SB podem ser benéficos tanto para o trabalhador docente quanto para as instituições de ensino e sociedade em geral.
URI: http://hdl.handle.net/10923/7796
Appears in Collections:Dissertação e Tese

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DIS_LARISSA_DALCIN_PARCIAL.pdf280,34 kBAdobe PDFOpen
View


All Items in PUCRS Repository are protected by copyright, with all rights reserved, and are licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License. Read more.