Por favor, use este identificador para citar o enlazar este ítem: http://hdl.handle.net/10923/8415
Tipo: doctoralThesis
Título: Avaliação das alterações em três dimensões e por planos de referência dos tecidos moles faciais de pacientes classe III esquelética submetidos à cirurgia ortognática bimaxilar
Autor(es): Becker, Otávio Emmel
Orientador: Oliveira, Rogerio Belle de
Editor: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Odontologia
Fecha de Publicación: 2016
Palabras clave: TECIDO MOLE (ODONTOLOGIA)
CEFALOMETRIA
CIRURGIA ORTOGNÁTICA
TOMOGRAFIA COMPUTADORIZADA
ODONTOLOGIA
Resumen: PURPOSE: Present and evaluate a 3D cephalometric analysis of hard and soft tissues to describe, compare, correlate and predict changes in measures assessed in soft tissues in relation to bone changes resulting from double-jaw orthognathic surgery in Class III patients. Also to correlate changes observed only in soft tissues. The hypothesis is that skeletal changes may affect and are correlated to changes in facial soft tissues in different forms in several regions of the face and also differently in relation to each individual reference plane and in 3D. MATERIALS AND METHODS: Calibration of the measures was carried out using the intraclass correlation coefficient (ICC) and the absolute difference between intra and inter evaluators assessments. Cone beam tomography pre and postoperative of 23 (9 male, 14 female, average age of 28 years and 7 months) were evaluated in Dolphing Imaging 3D software. The t-Student test for paired samples was applied in order to compare the pre and postoperative values for all the analyzed measures and changes in soft tissue in relation to bone alterations. The analysis of the effect size was also applied by the Cohen’s "d" coefficient. Pearson correlation coefficient was used in order to correlate the bone movement with soft tissue changes and the latter only among themselves. The stepwise multiple regression analysis was applied to try to identify the degree of influence of each Independent Variables individually on each of the Dependent Variables. All analyzes were applied in relation to three reference planes individually and in 3D. The level of significance was set at 95%.RESULTS: The degree of correlation in intra and inter evaluators assessmens was high, with the average of Absolute Differences for the total set of each type of measurement ranging below the limits of clinical relevance of 2mm and 4 °. Higher changes and higher correlations were identified more in the mandible than in the maxilla and more in the central region than in the peripheral face. The movements of the soft tissue correlated significantly with the movements of the underlying skeletal bone (midle third of the face in relation to the maxilla and inferior third of the face in relation to the mandible) and in relation to the same reference plane, although there were exceptions. Fully satisfactory values of prediction for the results of soft tissues after this type of surgery were not identified, especially in 3D. CONCLUSIONS: The results allow validation of the measures, except for Nasolabial and Labiomentual angles. The null hypothesis could be rejected, since the skeletal changes affected and were correlated to changes in facial soft tissues in different forms in several regions of the face and also differently in relation to each individual reference plane and in 3D.
OBJETIVO: Propor e validar uma análise cefalométrica 3D de tecidos duros e moles, aplicando-a para descrever, comparar, correlacionar e prever as alterações ocorridas nas medidas avaliadas em tecidos moles com as alterações ósseas decorrentes da cirurgia ortognática bimaxilar em pacientes Classe III, além de correlacionar as alterações em tecidos moles entre si. A hipótese é que alterações esqueléticas podem afetar e se correlacionam às alterações dos tecidos moles faciais de forma diferente em diversas regiões da face e também de forma diferente em relação aos planos de referência individuais e em 3D. MATERIAL E MÉTODOS: A calibração das medidas foi realizada utilizando-se o Coeficiente de Correlação Intraclasse (CCI) e a Diferença Absoluta entre as avaliações intra e interexaminadores. Tomografia do cone beam pré e pós-operatórias de 23 pacientes (9 homens, 14 mulheres, média de idade de 28 anos e 7 meses) foram avaliadas no software Dolphing Imaging 3D. Com intuito de comparar os valores pré e pós-operatórios para todas as medidas analisadas e as alterações ocorridas em tecidos moles com as alterações ósseas, foi aplicado o teste t-Student para amostras pareadas. A análise do tamanho de efeito foi igualmente aplicada por meio do coeficiente “d” de Cohen. A fim de correlacionar o movimento ósseo com as alterações de tecidos moles e estas últimas apenas entre si, utilizouse o coeficiente de correlação de Pearson. A análise de regressão múltipla stepwise foi aplicada para tentar identificar o grau de influência de cada Variável Independente individualmente sobre cada uma das Variáveis Dependentes. Todas as análises foram aplicadas em relação a três planos de referência individualmente e em 3D. O nível de significância foi estabelecido em 95%.RESULTADOS: O grau de correlação na calibragem intra e interexaminadores foi alto, ficando as médias das Diferenças Absolutas no conjunto total de cada tipo de medida abaixo dos limites de relevância clínica de 2mm e 4°. Alterações e correlações maiores foram identificadas mais em mandíbula do que em maxila e mais na região central do que na periférica da face. Os movimentos dos tecidos moles se correlacionaram mais com os movimentos esqueléticos dos ossos subjacentes (terço médio em relação à maxila e terço inferior em relação à mandíbula) e em relação ao mesmo plano de referência, embora tenha havido exceções. Não foram identificados valores plenamente satisfatórios de predicção de resultados dos tecidos moles, especialmente em 3D. CONCLUSÕES: Os resultados encontrados permitem a validação das medidas, exceto as de Ângulo Nasolabial e Labiomentual. A hipótese nula pôde ser rejeitada, uma vez que as alterações esqueléticas afetaram e se correlacionaram às alterações dos tecidos moles faciais de forma diferente em diversas regiões da face e também de forma diferente em relação aos planos de referência individuais e em 3D.
URI: http://hdl.handle.net/10923/8415
Aparece en las colecciones:Dissertação e Tese

Ficheros en este ítem:
Fichero Descripción TamañoFormato 
000478875-Texto+Parcial-0.pdfTexto Parcial3,19 MBAdobe PDFAbrir
Ver


Todos los ítems en el Repositorio de la PUCRS están protegidos por derechos de autor, con todos los derechos reservados, y están bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial 4.0 Internacional. Sepa más.