Por favor, use este identificador para citar o enlazar este ítem: http://hdl.handle.net/10923/8452
Tipo: masterThesis
Título: Processo de construção e evidências de validade do subteste de aritmética do teste de desempenho escolar: segunda edição (TDE-II)
Autor(es): Viapiana, Vanisa Fante
Orientador: Stein, Lilian Milnitsky
Giacomoni, Claudia Hofheinz
Editor: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Psicologia
Fecha de Publicación: 2015
Palabras clave: TESTES PSICOLÓGICOS
DESEMPENHO ESCOLAR
ARITMÉTICA
PSICOMETRIA
PSICOLOGIA
Resumen: This dissertation consists of two studies that aimed the development and validation of the Arithmetic Subtest of the School Achievement Test – Second Edition (Teste de Desemenho Escolar -Segunda Edição: TDE -II). The first study addresses the items construction process carried out through consultations to the National Textbook Program Guide (Programa Nacional de Livro Didático- PNLD) of the brazilian government and the mathematics area experts. After the preparation of the items, a draft of the subtest that has been tested empirically was formulated. Three hundred and two students in grades 1st through 9th of elementary school of public and private schools in the metropolitan region of Porto Alegre/RS participated in the first stage of this study. The data were submitted to factor analysis, and showed the prevalence of two factors explaining 74% of the variance of the data. Both dimensions shown to be related to the complexity and difficulty level of the items. The subtest was therefore divided into two versions: one for students in grades 1 through 5 (Version A), and another, for those in grades 6 through 9 (Version B). Each of the versions was analyzed by Item Response Theory (IRT) models, based on item response theory (IRT) models, which suggested that the items provided a comprehensive measure of the latent trait. Later, in the empirical analysis, we selected the items that were included in the final version of the subtest of Arithmetic of TDE-II. The second study tested evidence of validity, type convergent of the final version of the instrument. The sample included one hundred and eleven students from public and private schools in the metropolitan region of Porto Alegre, RS. The results showed satisfactory correlational patterns of the Arithmetic Subtest with Subtests Reading and Writing of TDE -II, with the arithmetic subtest of the WISC -IV and with other neurocognitive assessment tasks. Performance in Version A of the Arithmetic Subtest was related to executive demands. And performance in Version B suggests a greater relationship with a specific semantic memory of mathematical procedures. We concluded that the Arithmetic Subtest of TDE-II features good psychometric properties for the assessment of arithmetic school performance over elementary school.
Esta dissertação de mestrado é composta por dois estudos que objetivaram a construção e validação do Subteste de Aritmética do Teste de Desempenho Escolar – Segunda Edição (TDE-II). O primeiro estudo aborda o processo de construção de itens realizado através de consultas ao Guia do Programa Nacional de Livros Didáticos (PNLD) do governo brasileiro e à experts da área da matemática. Após a elaboração dos itens formulou-se uma versão preliminar do Subteste que foi testada empiricamente. Participaram desta etapa do Estudo 1, 302 estudantes de 1º a 9º ano do Ensino Fundamental de escolas públicas e privadas da região metropolitana de Porto Alegre/RS. Os dados foram submetidos a análises fatoriais que apontaram à predominância de dois fatores explicando 74% da variância dos dados. Ambas as dimensões mostraram-se relacionadas a complexidade e o nível de dificuldade dos itens. O Subteste foi dividido em duas versões: para estudantes de 1º a 5º ano (Versão A) e para estudantes de 6º a 9º ano (Versão B). Cada uma das versões foi analisada através da Teoria de Resposta ao Item (TRI), a qual mostrou que a dificuldade dos itens tiveram uma amplitude adequada para mensurar o traço latente. Posterior às análises empíricas selecionou-se os itens que compuseram a versão final do Subteste de Aritmética do TDE-II. O segundo estudo testou evidências de validade, do tipo convergente da versão final do instrumento. Participaram deste estudo 111 estudantes de escolas públicas e privadas da região metropolitana de Porto Alegre/RS. Os resultados apontaram para padrões correlacionais satisfatórios com os Subtestes de Leitura e Escrita do TDE-II, com o Subteste de Aritmética do WISC-IV e outras tarefas de avaliação neurocognitiva. O desempenho na Versão A do Subteste de Aritmética foi relacionado a demandas executivas. E o desempenho na Versão B sugere maior relação com uma memória semântica específica dos procedimentos matemáticos. Concluiu-se que o Subteste de Aritmética do TDEII apresenta-se com boas propriedades psicométricas para avaliação do desempenho escolar em aritmética ao longo do Ensino Fundamental.
URI: http://hdl.handle.net/10923/8452
Aparece en las colecciones:Dissertação e Tese

Ficheros en este ítem:
Fichero Descripción TamañoFormato 
000478967-Texto+Parcial-0.pdfTexto Parcial403,27 kBAdobe PDFAbrir
Ver


Todos los ítems en el Repositorio de la PUCRS están protegidos por derechos de autor, con todos los derechos reservados, y están bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial 4.0 Internacional. Sepa más.