Por favor, use este identificador para citar o enlazar este ítem: http://hdl.handle.net/10923/1084
Tipo: doctoralThesis
Título: Efeito da vibração sônica e ultrassônica em um adesivo autocondicionante e de frasco único na resistência de união em dentina
Autor(es): Cavazzola, Fernanda de Cássia Mortari
Orientador: Mota, Eduardo Gonçalves
Editor: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Odontologia
Fecha de Publicación: 2013
Palabras clave: ODONTOLOGIA
DENTÍSTICA
DENTINA
MATERIAIS DENTÁRIOS
RESISTÊNCIA DOS MATERIAIS (ODONTOLOGIA)
Resumen: Objetivo: Verificar se a aplicação dos sistemas adesivos, por meio da vibração do aparelho sônico, ultrassônico e de um protótipo sônico aumenta a resistência de união em dentina. A hipótese experimental é que a resistência de união nos sistemas adesivos Adper Single Bond 2 e Clearfill SE Bond é similar tanto nos grupos controle quanto nos grupos que receberem os diferentes tratamentos. Materiais e Método: Foram utilizados 24 terceiros molares hígidos, onde foi realizada a remoção do esmalte preparando uma superfície dentinária lisa. Os dentes foram divididos aleatoriamente em 8 grupos, onde cada sistema adesivo foi aplicado de acordo com as recomendações do fabricante (aplicação dinâmica manual) e com a vibração de aparelho sônico, ultrassônico e por um protótipo sônico. Após a técnica adesiva, foi aplicada resina charisma A2. As amostras foram incluídas em resina acrílica autopolimerizável, preparando um cilindro para os cortes seriados. Estes foram armazenados em água destilada em uma estufa de cultura a 37°C por 24 horas. Após, confeccionou-se os corpos de prova em forma de barra para o ensaio de resistência de união por microtração. Os dados obtidos foram submetidos ao teste Kolmogorov-Smirnov para verificação de normalidade.A seguir, foram comparados com ANOVA de duas vias e teste de Tukey (p=0,05). A análise da fractografia foi realizada porcentualmente. Resultados: A resistência de união do grupo que recebeu a vibração sônica foi maior, apresentando diferenças estatisticamente significativas, em ambos os sistemas adesivos, comparada com aplicação dinâmica manual e os grupos que receberam tratamento ultrassônico e do protótipo sônico. Na análise fractografia observa-se que os grupos que receberam tratamento sônico, ultrassônico e do protótipo tiveram maior falha coesiva em resina em relação ao grupo controle, que obteve maiores falhas coesivas de camada híbrida. Conclusão: A utilização da aplicação sônica, é um método eficaz para a otimização da resistência de união em dentina.
Purpose: Investigate the influence of bonding systems application activated through a sonic and ultrasonic vibration and a sonic prototype on micro-tensile bond strength in dentin. Materials and Methods: Twenty-four extracted caries-free intact human molar teeth were embedded in a self-cured acrylic resin. The enamel was removed, using wet 220-, and 600-grit abrasive papers. Each adhesive system (self-etching primer and a single bottle total etch) was applied according to the manufacturer's instructions. Then, the groups were classified according to the type and method of application of bonding systems. After the adhesive technique, resin composite was condensed and light-cured for 20s. Afterwards, all specimens were completely included in a self-cured acrylic resin to stabilize the restorative material and the adhesive interface for the serial sections in a cutting machine. These cylinders were stored in distilled water at room temperature 37°C for 24h. The specimens were stressed in the interface between the composite and the dental surface until fracture occurred. The values were recorded in MPa, and submitted to statistical analysis. Data were submitted to Kolmogorov-Smirnov normality test. Two-way ANOVA and Tukey’s Test for pairwise multiple comparisons were used (p<0.05). The failure modes were recorded in percentages. Results: The micro tensile bond strengths with sonic vibration were higher than the other groups, showing statistically significant differences. The sonic, ultrasonic and prototype group had more cohesive failure in resin compared to the control group, which had more cohesive failures of the hybrid layer. Conclusion: The application with a sonic vibration is an effective method for the optimization of bond strength in dentin.
URI: http://hdl.handle.net/10923/1084
Aparece en las colecciones:Dissertação e Tese

Ficheros en este ítem:
Fichero Descripción TamañoFormato 
447882.pdfTexto Completo1,73 MBAdobe PDFAbrir
Ver


Todos los ítems en el Repositorio de la PUCRS están protegidos por derechos de autor, con todos los derechos reservados, y están bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial 4.0 Internacional. Sepa más.